Categorias
Dinheiro

Como ganhar dinheiro trabalhando em casa

Com o aumento do desemprego, o tempo de recolocação no mercado de trabalho pode demorar um pouco mais do que o esperado, mas infelizmente as despesas não esperarão, por isso, encontrar uma forma de ganhar dinheiro rápido é uma necessidade para muitas pessoas.

Uma das melhores maneiras de não ficar parado é aproveitando o espaço dentro de casa e desenvolver formas de como ganhar dinheiro na internet, por exemplo. Caso você tenha este objetivo, mas não saiba por onde começar, confira as 3 dicas que apresentaremos a seguir.

Como ganhar dinheiro com uma loja virtual

Investir na criação de uma loja virtual hoje em dia é um processo simples, eficiente e muito rápido. Em poucos dias é possível lançar um negócio online, oferecendo os mais variados produtos ou até mesmo serviços pela internet.

Como ganhar dinheiro com loja virtual

Se você ainda não tem recursos suficientes para contratar um sistema de loja virtual mais robusto, não precisa se apavorar. É possível começar vendendo até mesmo através de páginas corporativas nas redes sociais, como as fanpages presentes no Facebook.

Para gerenciar as vendas com segurança e facilitar os pagamentos, você pode investir em sistemas de pagamento como o Paypal, PagSeguro e Bcash, assim, torna as operações confiáveis para seus clientes e para você.

Para ter sucesso nas vendas online, fique atento a pontos estratégicos como:

  1. A oferta de produtos com preços competitivos;
  2. Estratégias para captura de visitantes (audiência) para sua loja virtual.
  3. Transmissão de credibilidade para os visitantes, com uma boa apresentação visual e atendimento.
  4. Planejamento de estoque e transparência nas informações antes da venda.
  5. Escolha de um nicho de mercado para aumentar suas chances de vendas.

Como ganhar dinheiro montando uma agência de Publicidade e Marketing

Como ganhar dinheiro montando uma agência de Publicidade e Marketing

Com o crescimento do acesso à internet, clientes e empresas passaram a interagir ainda mais online e com isso, as oportunidades para quem busca formas de como ganhar dinheiro trabalhando em casa também aumentaram.

É possível se tornar um pequeno ou médio empresário oferecendo serviços para as empresas que estão conectadas em busca de clientes, especialmente para quem possui habilidades e conhecimentos para lidar com marketing e publicidade digital.

Entre os serviços que podem ser oferecidos estão:

  1. Criação de divulgação de anúncios publicitários;
  2. Otimização em motores de buscas, conhecidos como serviços SEO;
  3. Trabalhos de divulgação de marcas, produtos e empresas;
  4. Assessoria de marketing e publicidade nos negócios.

Este mercado é muito amplo e por isto é possível alcançar pequenos e médios negócios em geral, escolas, cursos, vendedores de produtos digitais, e-commerces, indústrias, profissionais liberais, entre muitos outros.

Caso prefira, para se destacar é possível se tornar um especialista em um dos segmentos mencionados acima e à medida em que for conquistando seus clientes, pode-se, com a ajuda das recomendações, aumentar ainda mais a margem de lucro e o desenvolvimento da sua agência.

Como ganhar dinheiro vendendo  Cursos na Internet

Como ganhar dinheiro vendendo Cursos na Internet

Os produtos digitais, como cursos apostilados, vídeo aulas, tutoriais, materiais informativos, entre outros formatos, também são grandes oportunidades de criar uma renda extra rapidamente.

Este segmento se destaca porque o maior objetivo das pessoas que acessam a internet é justamente buscar informações e conhecimentos. E graças à nova dinâmica social, este conhecimento precisa ser conquistado cada vez mais rápido.

Você pode iniciar um curso através do seu próprio conhecimento. Seja sua formação acadêmica ou prática, sempre haverá alguém precisando deste tipo de conhecimento. Desde aulas de direito, ou até mesmo cursos de marcenaria doméstica, há espaço e oportunidade para todos.

O melhor deste tipo de atividade é que após realizar o investimento inicial da elaboração do curso você poderá vender o mesmo material por períodos indeterminados, tendo assim um alto potencial de lucro.

Para que seus curso tenham sucesso é importante manter a atenção:

  1. Ao desenvolvimento de cursos de qualidade;
  2. Foco na captação do público-alvo ideal;
  3. Desenvolvimento de uma plataforma de cursos adequada.

Para iniciar é possível utilizar sistemas como o Moodle, que permite a criação de cursos online gratuitamente, antes de investir em plataformas mais completas, complexas e caras. Outros formatos possíveis incluem o desenvolvimento de apostilas e apresentações em flash, por exemplo.

Gostou do artigo? Conhece alguém que está desempregado ou deseja ganhar dinheiro a partir de casa? Então compartilhe esse texto nas redes sociais, essas informações serão úteis  e pode ajudar muitas pessoas a terem uma renda trabalhando no conforto do lar.

Categorias
Dicas valiosas

Que cuidados ter ao comprar pela internet?

No mundo globalizado que vivemos talvez pensemos que comprar pela internet seja a solução de todos os nossos problemas, já que com apenas um computador ou até mesmo um celular e um cartão de crédito temos acesso a quase tudo que queremos.

Pensemos nas vantagens: podemos gastar o tempo que quisermos escolhendo o produto sem ter a pressão do vendedor e nem a obrigação de ter que levar o produto para casa. Não tem fila para pagar, o que economiza seu tempo. Os preços então, são os melhores.

Não é de hoje que as vendas feitas pela internet têm feito tanto sucesso, mas é claro que nem tudo são flores. Alguns lembretes sempre são úteis.

Algumas dicas valiosas

Busque informações sobre o site, fale com amigos e conhecidos que já compraram ali. Você pode e deve comparar preços. Vai se surpreender com as diferenças que encontrará. Lembrando que preços muito baixos deve ser motivo de desconfiança. Guarde todos os comprovantes da sua compra, como e-mail por exemplo. Veja toda a política da loja quanto a devolução de produto, troca etc.

Comprar pela internet é seguro?

Com alguns cuidados a se tomar, sim. Certifique-se de que no navegador da internet tenha um ícone de um cadeado. Isso indica que o site é seguro e que você pode fazer suas compras sem medo. Muita gente pode não saber, mas a loja online deve ter um CNPJ, um endereço físico e número de telefone visíveis no site. Procure por isso também.

Alguns inconvenientes que talvez ocorram

Um inconveniente que talvez a compra a distância tenha é que, diferente da loja física, você não pode provar, experimentar, calçar, etc. Se você vai comprar um sapato ou roupa por exemplo, certifique-se que seja do número certo. Hoje é muito comum as lojas trazerem nos sites as medidas e isso facilita muito.

Não se iluda com fotos! Sabe aquela história de “expectativa” e “realidade”? Então, nem sempre seu corpo será como o da modelo apresentada na foto do site ou a cor da peça escolhida será exatamente aquela por questão de luz e outros fatores.

Sobre o prazo de entrega. Veja bem, antes de concluir a compra. Pois, às vezes, você tem pressa que um produto chegue, mas o prazo já constava que eram 30 dias, por exemplo. Se você concordou com o prazo no momento do pagamento não tem como reclamar.

Fique atento também a ter alguém em casa para receber o produto ou após algumas tentativas ele corre o risco de voltar para a loja e você terá que pagar por outro frete, por exemplo.

O frete tem sido outro problema. Em um estudo feito nas 27 capitais do país, 49% das pessoas acham muito caro. Essa mesma pesquisa mostrou que 30% das pessoas se sentem inseguras se de fato o produto será entregue ou não.

As compras pela internet têm gerado um outro problema, a compra por impulso. A pesquisa indicou que 46% dos entrevistados admitiram não ter planejado a sua última compra pela internet. Já os homens gastam mais do que as mulheres normalmente. (Será que elas são mais receosas?) O meio mais escolhido para pagamento, nessa pesquisa, foi o parcelamento com cartão de crédito.

Cuidado com SPAM

O que acontece muito (comigo é todo dia) é que chegam muitos e-mails com ofertas não solicitadas, os chamados SPAM. Esses podem ser perigosos pois te direcionam para sites que podem não ser seguros. Não clique neles, apague-os! Se quiser comprar dessa loja que te enviou o e-mail vá até o site deles ou aplicativo.

A Black Friday é uma boa opção para comprar pela internet?

Sim e não. Depende da loja que você irá comprar. Algumas delas se aproveitam dessa data para aumentarem os preços antes. E então dizem que estão com preços baixos quando na verdade está o preço normal.

Felizmente, essa data tem se consolidado aqui no Brasil e com isso a fiscalização também tem aumentado. O que nos dá mais segurança e garantia de não estarmos sendo enganados. Sobre isso, o Presidente do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito), Roque Pellizzaro Júnior, afirma que:

“A internet trouxe ao consumidor a liberdade de comprar quando e onde quiser. Se antes as pessoas tinham que ir até às lojas, agora são os varejistas quem precisam encontrar seus clientes.”

Fiz minha compra pela internet, e agora?

Agora é só aguardar a entrega. Se você ficou feliz com suas compras ou mesmo se está decepcionado, existem vários locais na internet (como o reclameaqui.com.br) onde você pode falar da sua experiência. Isso pode ajudar os próximos compradores que talvez estejam na dúvida quanto a adquirir algum produto.

Me arrependi de comprar, o que fazer?

Se depois de tudo isso, todos os cuidados tomados eu ainda assim tenha simplesmente me arrependido da compra. Eu posso ter o meu dinheiro devolvido? Pode sim! A lei diz que o consumidor pode se arrepender da compra no prazo de até 7 dias após o recebimento do produto.

Todos os valores pagos deverão ser devolvidos. O fornecedor deverá arcar com todas as despesas relacionadas a transporte para a devolução da mercadoria. Você não deve arcar com despesas postais.

Quais tem sido os resultados de vendas online?

As vendas online cresceram 10% em relação ao ano passado e até o fim do ano devem girar cerca de 10,5 bilhões de reais. 17 milhões de brasileiros terão feito compras na internet este ano.

Ao longo dos anos as lojas que vendem pela internet têm se esforçado a melhorar seu atendimento pois quem tem ditado as regras é o consumidor. O Presidente do SPC, Roque Pellizzaro, citado acima, enfatiza isso:

“O consumidor online está em busca de experiências de compra que combinam praticidade, percepção de valor e satisfação com cada produto. Quem dita boa parte das regras neste negócio são os clientes. Eles vão às compras no momento que julgam ser mais adequado e sempre estão em busca de preços competitivos, sem abrir mão da qualidade do produto.”

Resumindo: Comprar pela internet funciona sim, podendo até ser mais barato, mas como tudo na vida exige alguns cuidados e atenções antes de serem feitas.