Categorias
Cargos e salários

Assistentes sociais salário e atribuições CBO 2516

  • Jornada de trabalho: 32h
  • Piso salarial: R$1.798,19
  • Salário médio: R$ 2.532,67
  • Maior salário: R$ 3.827,44
  • Salário hora: R$ 15,59
  • CBO 2516

Nesse artigo você vai encontrar todas as informações sobre o cargo de “Assistentes sociais salário e atribuições CBO 2516” realizada pela “Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp e Ministério do Trabalho”.

  1. Tabela Salarial;
  2. Atribuições do cargo;
  3. Formação e experiência;
  4. Condições gerais para exercício do cargo;
  5. Descrição das atividades;
  6. Recursos para exercício do cargo;
  7. Cargos relacionados

Dica: Para encontrar o Código Brasileiro de Ocupações (CBO) da sua profissão, abra sua carteira de trabalho na página de registros profissionais).

Se deseja informações sobre outros cargos ou tenha alguma dúvida ou algo a acrescentar, utilize o formulário de comentários ao final do artigo. Nossa equipe de especialistas irá responder em seguida.

Atribuições do cargo

Prestam serviços sociais orientando indivíduos, famílias, comunidade e instituições sobre direitos e deveres (normas, códigos e legislação), serviços e recursos sociais e programas de educação; planejam, coordenam e avaliam planos, programas e projetos sociais em diferentes áreas de atuação profissional (seguridade, educação, trabalho, jurídica, habitação e outras), atuando nas esferas pública e privada; orientam e monitoram ações em desenvolvimento relacionados à economia doméstica, nas áreas de habitação, vestuário e têxteis, desenvolvimento humano, economia familiar, educação do consumidor, alimentação e saúde; desempenham tarefas administrativas e articulam recursos financeiros disponíveis.

Formação e experiência

O exercício dessas ocupações requer curso superior em serviço social para a ocupação de Assistente social e formação em Economia doméstica para a ocupação de Economista doméstico.

Condições gerais para o exercício do cargo

Trabalham em instituições das esferas pública e privada, bem como em ONG. Podem atuar em empresas ou instituições do setor agropecuário, comercial, industrial e de serviços. O foco de atuação é a família (ou indíviduo). São estatutários ou empregados com carteira assinada. Trabalham em equipe, sob supervisão ocasional, em ambientes fechados e em horário diurno, podendo, o assistente social trabalhar em horários irregulares durante plantões e em casos emergenciais. Eventualmente, trabalham sob pressão, levando à situação de estresse.

Descrição das Atividades

Desenvolver capacidades e possibilidades individuais e coletivas

  1. Esclarecer dúvidas;
  2. Orientar sobre direitos e deveres;
  3. Orientar sobre acesso a direitos instituídos;
  4. Orientar sobre rotinas da instituição;
  5. Orientar sobre cuidados especiais;
  6. Orientar sobre serviços e recursos sociais;
  7. Ensinar a otimização do uso de recursos;
  8. Orientar sobre a otimização do uso de recursos;
  9. Desenvolver programas de educação alimentar para sadios;
  10. Orientar sobre normas, códigos e legislação;
  11. Orientar sobre conteúdo de processo e procedimentos;
  12. Orientar sobre aspectos ergonômicos do trabalho;
  13. Organizar grupos socioeducativos;
  14. Facilitar grupos socioeducativos;
  15. Elaborar instrumentos técnicos;
  16. Orientar sobre direitos sociais;
  17. Realizar cursos, palestras, reuniões e capacitações;
  18. Produzir material educativo;
  19. Desenvolver grupos e atividades socioeducativas;
  20. Encaminhar para acesso a direitos instituídos;
  21. Avaliar capacidades,possibilidades e limitações

Planejar políticas sociais

  1. Elaborar planos, programas projetos e serviços;
  2. Delimitar o problema;
  3. Definir público beneficiário;
  4. Definir objetivos e metas;
  5. Definir metodologia;
  6. Formular propostas;
  7. Estabelecer prioridades;
  8. Estabelecer critérios de atendimento;
  9. Programar atividades;
  10. Estabelecer cronograma;
  11. Definir recursos humanos;
  12. Definir recursos materiais;
  13. Definir recursos financeiros;
  14. Consultar organizações e especialistas;
  15. Definir parceiros;
  16. Analisar demanda e coberturas;
  17. Identificar demandas;
  18. Organizar o processo participativo na política;
  19. Definir resultados e aquisições desejadas na política;
  20. Assessorar orgãos públicos,empresas e organizações civis;

Pesquisar a realidade social

  1. Realizar estudo socioeconômico;
  2. Pesquisar interesses e necessidades da população;
  3. Mapear o perfil social do usuário;
  4. Pesquisar características da área de atuação;
  5. Pesquisar informações ´in loco´;
  6. Pesquisar organizações e instituições públicas e privadas;
  7. Realizar pesquisas bibliográficas e documentais;
  8. Estudar viabilidade de projetos propostos;
  9. Levantar número de usuários;
  10. Coletar dados;
  11. Organizar dados coletados;
  12. Compilar dados;
  13. Tabular dados;
  14. Difundir resultados da pesquisa;
  15. Buscar parceiros;
  16. Pesquisar a satisfação do usuário;
  17. Realizar estudo sócio territorial;
  18. Analisar dados;

Executar procedimentos técnicos

  1. Registrar atendimentos;
  2. Denunciar situações de violência e violação de direitos;
  3. Solicitar vagas em serviços e equipamentos sociais;
  4. Elaborar relatórios técnicos;
  5. Elaborar pareceres técnicos;
  6. Formular rotinas e procedimentos profissionais;
  7. Formular cardápios para sadios;
  8. Integrar grupos de estudo de casos;
  9. Formular instrumental (Formulários, questionários, etc);
  10. Realizar entrevistas sociais;
  11. Realizar atendimentos sociais;
  12. Notificar suspeitas e situações confirmadas de maus tratos;
  13. Elaborar estudo e perícia social;
  14. Emitir laudo e parecer social;
  15. Realizar avaliação social;
  16. Participar de equipes multiprofissionais e intersetoriais;
  17. Realizar visitas domiciliares e institucionais;
  18. Participar de simpósios,congressos e eventos técnico-científicos;
  19. Participar de grupos de estudo;

Avaliar ações

  1. Acompanhar a execução de programas, projetos, serviços e planos;
  2. Analisar as técnicas utilizadas;
  3. Avaliar custos;
  4. Avaliar resultados de programas, projetos, serviços e planos;
  5. Monitorar atendimento dos compromissos acordados com o usuário;
  6. Criar critérios e indicadores para avaliação;
  7. Aplicar instrumentos de avaliação;
  8. Avaliar cumprimento dos objetivos de programas, projetos, serviços e planos propostos;
  9. Avaliar satisfação dos usuários;
  10. Monitorar as ações em desenvolvimento;

Promover eventos técnicos e sociais

  1. Determinar natureza e objetivos do evento;
  2. Preparar programação;
  3. Divulgar o evento;
  4. Publicar os resultados do evento;
  5. Preparar material técnico;
  6. Contratar pessoal e serviços;
  7. Providenciar material operacional;
  8. Convidar participantes;
  9. Preparar anais para publicação

Articular recursos disponíveis

  1. Identificar recursos sociais disponíveis;
  2. Identificar recursos financeiros disponíveis;
  3. Negociar com organizações e instituições públicas e privadas;
  4. Formar parcerias;
  5. Captar recursos financeiros, materiais e humanos;
  6. Articular uma rede de atendimento;
  7. Articular recursos para a inserção no mercado de trabalho;
  8. Identificar possibilidades de geração de renda;
  9. Articular com movimentos sociais;
  10. Realocar recursos disponíveis;
  11. Propor verbas orçamentárias;
  12. Participar de comissões técnicas;
  13. Participar de conselhos de direitos e políticas públicas;
  14. Identificar redes de apoio sócio familiar e comunitário;
  15. Articular com poder executivo judiciário nas três esferas de poder;

Realizar a gestão de programas, projetos, serviços, benefícios e equipamentos

  1. Coordenar programas, projetos, serviços, benefícios e equipamentos;
  2. Coordenar grupos de trabalho;
  3. Recrutar pessoal;
  4. Selecionar pessoal;
  5. Escalar pessoal;
  6. Atribuir tarefas à equipe;
  7. Capacitar pessoal;
  8. Supervisionar trabalho dos técnicos da área;
  9. Supervisionar estágios curriculares;
  10. Realizar coordenação técnica do serviço social;
  11. Realizar preceptoria profissional;

Desempenhar tarefas administrativas

  1. Preencher formulários;
  2. Providenciar documentação oficial;
  3. Cadastrar usuários, entidades e recursos;
  4. Controlar fluxo de documentos;
  5. Administrar recursos financeiros;
  6. Controlar custos;
  7. Controlar dados estatísticos;
  8. Fazer estatísticas;
  9. Requisitar reforço policial;

Demonstrar competências pessoais

  1. Trabalhar com ética profissional;
  2. Demonstrar capacidade de escuta profissional;
  3. Lidar com situações adversas;
  4. Contornar situações adversas;
  5. Trabalhar em equipe;
  6. Demonstrar autocontrole;
  7. Lidar com estresse;
  8. Demonstrar persistência;
  9. Mediar conflitos;
  10. Respeitar as diversidades étnicas, culturais, de gênero, de credo, de orientação sexual, etc.;
  11. Demonstrar criatividade;
  12. Manter o sigilo profissional;
  13. Demonstrar ousadia;

Recursos para exercício do cargo

  1. Recursos audiovisuais;
  2. Computador;
  3. Fax;
  4. Arquivo confidencial;
  5. Veículo;
  6. Calculadora;
  7. Telefone celular;
  8. Máquina de escrever;
  9. Impressora;
  10. Escâner;
  11. Telefone;
  12. Xerox;
  13. Recursos de informática;

Cargos relacionados

  1. Assistente social
  2. Economista doméstico

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Glossário

Estudo Sócio territorial Estudo sócio econômico familiar

Instituições

  • Casa De Caridade De Viçosa – Hospital São Sebastião
  • Creche Escola A Ciranda (Viçosa-mg)
  • Dekker De Wit Agrifloricultura Ltda.
  • Fundação São Paulo- Pontifícia Universidade Católica (Puc)
  • Hospital Municicpal Dr Tabajara Ramos (São Paulo)
  • Prefeitura Do Município De São Paulo (Pmsp)
  • Prefeitura Municipal De Mogi-guaçu
  • Prefeitura Municipal De Santo André
  • Prefeitura Municipal De São Paulo
  • Pró-mulher Família E Cidadania
  • Serviço Nacional De Aprendizagem Rural (Senar)

Especialistas

  • Arlete Camargo De Melo Salimene
  • Arlete Pessiqueli Da Silva
  • Aurea Satomi Fuziwara
  • Claudia Rosa Batista
  • Darci Regina Assenço
  • Joana D´arc Uchoa Da Silva
  • Luciana Machado Fiel
  • Maria Helena Dias Stella
  • Marinete Cordeiro Moreira
  • Marlene Merisse
  • Nadir Dias Dos Santos Torezan
  • Nilceia Rodrigues Xavier
  • Rita Maria Sant´anna E Castro
  • Simone Nazaré Moreira
  • Soraya Cristina De Souza
  • Tania Maria Ramos De Godoi Diniz

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Especialistas em promoção de produtos e vendas tabela salario CBO 3541

Tabela de Salários para cargos da Família “Especialistas em promoção de produtos e vendas”, código CBO 3541.

CBO Cargo Horas Piso Salá rial Salário Médio Maior Salário Salário Hora
3541-20 Agente de vendas de serviços 43 h R$ 1.247,50 R$ 1.757,04 R$ 2.655,30 R$ 8,21
3541-20 Vendedor de informações comerciais 43 h R$ 1.247,50 R$ 1.757,04 R$ 2.655,30 R$ 8,21
3541-25 Assistente de vendas 42 h R$ 1.056,09 R$ 1.487,45 R$ 2.247,88 R$ 7,07
3541-30 Promotor de vendas especializado 43 h R$ 1.148,67 R$ 1.617,85 R$ 2.444,94 R$ 7,47
3541-35 Técnico de vendas 43 h R$ 2.134,20 R$ 3.005,92 R$ 4.542,64 R$ 13,96
3541-35 Representante técnico de vendas 43 h R$ 2.134,20 R$ 3.005,92 R$ 4.542,64 R$ 13,96
3541-40 Técnico em atendimento e vendas 43 h R$ 1.649,50 R$ 2.323,23 R$ 3.510,94 R$ 10,87
3541-45 Vendedor pracista 44 h R$ 1.093,46 R$ 1.540,09 R$ 2.327,43 R$ 7,05
3541-50 Propagandista de produtos farmacêuticos 42 h R$ 3.443,38 R$ 4.849,83 R$ 7.329,21 R$ 23,35
3541-50 Representante de produtos farmacêuticos 42 h R$ 3.443,38 R$ 4.849,83 R$ 7.329,21 R$ 23,35
3541-50 Consultor de produtos farmacêuticos 42 h R$ 3.443,38 R$ 4.849,83 R$ 7.329,21 R$ 23,35

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Especialistas em promoção de produtos e vendas CBO 3541” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Planejam atividades de vendas especializadas e de demonstração de produtos. Realizam seus trabalhos através de visitas a clientes, onde apresentam e demonstram seus produtos, esclarecem dúvidas e acompanham o pós-venda. Contatam áreas internas da empresa, sugerem políticas de vendas e de promoção de produtos e participam de eventos.

Formação e experiência

Para o exercício dessas ocupações requer-se conhecimentos especializados da área de atuação, escolaridade de nível médio, acompanhada de cursos e treinamentos de até duzentas horas. No caso do propagandista de produtos farmacêuticos, devido a tendências de exigência de mercado, é desejável formação superior em áeras como saúde ou negócios. A(s) ocupação(ões) elencada(s) nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos, nos termos do artigo 429 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, exceto os casos previstos no art. 10 do decreto 5. 598/2005.

Condições gerais para o exercício do cargo

Trabalham em empresas do comércio varejista e atacadista, e/ou em indústrias e/ou nos serviços, como assalariados ou prestando serviços para as mesmas, como autônomos. O trabalho é exercido presencialmente ou à distância, de forma individual, sem supervisão, em ambientes fechados, com deslocamentos constantes no trânsito e em horários irregulares. Podem trabalhar sob pressão de metas de venda, o que pode ocasionar estresse.

Descrição das Atividades

Planejar visitas e contatos

  1. Discutir estratégias com o superior;
  2. Analisar potencial de clientes;
  3. Preparar cadastro de novos clientes;
  4. Contatar clientes;
  5. Agendar horário;
  6. Fazer itinerário de visitas;
  7. Receber indicação de futuros clientes;
  8. Atender solicitação de clientes;
  9. Classificar clientes por potencial;
  10. Enviar mala direta aos clientes;
  11. Pesquisar ações dos concorrentes;
  12. Cumprir cotas de venda do produto;
  13. Assessorar os vendedores na venda;
  14. Organizar material de trabalho;
  15. Planejar sequência de trabalho;
  16. Atualizar cadastro de clientes;
  17. Participar de reuniões;

Divulgar produtos e serviços

  1. Explicar objetivos da visita;
  2. Discriminar tipos de serviços;
  3. Discriminar tipos de produtos;
  4. Auxiliar na escolha dos produtos;
  5. Identificar necessidades do cliente;
  6. Demonstrar características e benefícios do produto;
  7. Apresentar tabelas de preços;
  8. Explicar formas de pagamento;
  9. Esclarecer dados técnicos do produto ao cliente;
  10. Esclarecer dados científicos do produto;
  11. Implementar estratégias de marketing;
  12. Fornecer amostras;
  13. Gerar demanda de produtos;
  14. Realizar pesquisas junto aos clientes;
  15. Convidar clientes para visitar empresa;
  16. Convidar clientes para lançamento de produtos;
  17. Intermediar apoio científico para clientes;
  18. Organizar eventos científicos;
  19. Divulgar eventos científicos;

Concretizar vendas

  1. Apresentar proposta ao cliente;
  2. Calcular custo do produto;
  3. Tirar pedidos de produtos;
  4. Encaminhar cliente para cadastro;
  5. Verificar ficha cadastral do cliente;
  6. Preencher contrato;
  7. Receber pagamento do produto;
  8. Emitir recibo de venda;
  9. Transmitir pedido de venda ao escritório central;
  10. Estabelecer prazos de entrega dos produtos;
  11. Entregar produtos vendidos;
  12. Controlar vendas efetuadas;
  13. Implantar contratos de serviços;

Acompanhar clientes pós-venda e/ou visita

  1. Visitar cliente pós-venda;
  2. Verificar opiniões do cliente;
  3. Comunicar aos clientes alterações nos produtos e/ou serviços;
  4. Esclarecer dúvidas do contrato;
  5. Alterar contratos de clientes;
  6. Esclarecer dúvidas do pedido;
  7. Verificar prazo de entrega dos produtos;
  8. Coordenar assessoria técnica ao cliente;
  9. Renovar contratos;
  10. Controlar questionário de pesquisa de satisfação do cliente;
  11. Filtrar informações para melhorar serviços;
  12. Dar retorno das sugestões ao cliente;
  13. Enviar brindes ao cliente;
  14. Entregar brindes ao cliente;
  15. Orientar cliente e revendedor na distribuição de display;
  16. Convocar clientes para assembléia extraordinária;
  17. Verificar clientes inadimplentes;
  18. Cobrar clientes inadimplentes;
  19. Relatar visitas;

Contatar áreas internas da empresa

  1. Requisitar material de consumo;
  2. Encaminhar documentação do cliente;
  3. Obter informações de pré-venda;
  4. Requisitar material de divulgação;
  5. Consultar publicações técnicas;
  6. Elaborar relatórios e estatísticas;
  7. Sugerir melhorias ao processo promocional e comercial;
  8. Comunicar as transações realizadas;
  9. Informar ao superior resultados de vendas;
  10. Priorizar pedidos e/ou ações para clientes especiais;
  11. Checar irregularidades na entrega dos produtos;
  12. Requisitar assistência técnica;
  13. Requisitar troca de produtos;
  14. Relatar irregularidades dos produtos;
  15. Divulgar ações promocionais aos funcionários;
  16. Treinar novos funcionários;
  17. Integrar novos funcionários;
  18. Entrevistar novos candidatos;

Sugerir políticas e vendas

  1. Classificar clientes por faturamento;
  2. Definir participação no mercado;
  3. Definir estratégia de marketing;
  4. Sugerir novos mercados consumidores;
  5. Prever vendas;
  6. Definir autonomia para negociação;

Participar de eventos

  1. Participar de treinamento de técnica de venda;
  2. Visitar área industrial da empresa;
  3. Participar de cursos de aperfeiçoamento;
  4. Participar de palestras relacionadas a área;
  5. Participar de feiras relacionadas a área;
  6. Expor produtos em locais definidos pela empresa;
  7. Participar de lançamento de novos produtos;
  8. Gerenciar verbas;

Demonstrar competências pessoais

  1. Tomar decisões;
  2. Demonstrar senso de organização;
  3. Trabalhar em equipe;
  4. Demonstrar capacidade de escuta atenta (saber ouvir);
  5. Demonstrar confiança;
  6. Demonstrar senso ético;
  7. Demonstrar criatividade;
  8. Demonstrar resiliência;
  9. Demonstrar capacidade de liderança;
  10. Demonstrar flexibilidade;
  11. Trabalhar sob pressão;
  12. Contornar situações adversas;
  13. Demonstrar habilidade de comunicação verbal;
  14. Demonstrar capacidade de negociação;
  15. Demonstrar capacidade de gerenciar tempo;
  16. Demonstrar capacidade de persuasão;

Recursos para exercício do cargo

  1. Recursos de Trabalho
  2. Computador, tablet, softweares, máq. copiadora,
    Celular, head set,, telefone fixo, fax;
  3. Tabelas de preços e estoque;
  4. Catálogos, panfletos, recurso visual;
  5. Cartões de visita;
  6. Veículos;
  7. Contratos de pedidos;
  8. Pasta de executivo e agenda pessoal;
  9. Talão de pedidos;
  10. Calculadora;

Cargos relacionados

  1. Agente de vendas de serviços – Vendedor de informações comerciais;
  2. Assistente de vendas;
  3. Promotor de vendas especializado;
  4. Técnico de vendas – Representante técnico de vendas;
  5. Técnico em atendimento e vendas;
  6. Vendedor pracista;
  7. Propagandista de produtos farmacêuticos – Consultor de produtos farmacêuticos, Representante de produtos farmacêuticos;

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Ministério Do Trabalho E Emprego – Mte

Instituições

  • ABBOTT LABORATÓRIOS
  • ALCON LABORATÓRIOS DO BRASIL
  • ALLERGAN PRODUTOS FARMACÊUTICOS LTDA
  • APSEN FARMACÊUTICA
  • Ache Laboratórios Farmacêuticos S.A.
  • Artes Gráficas Stúdio 12
  • Caraigá Veículos Ltda.
  • Caron Indústria E Comércio De Roupas Ltda.
  • Cópias Brasil Ltda.
  • Distribuidora De Medicamentos Santa Cruz Ltda.
  • EUROFARMA LABORATÓRIOS S/A
  • Empresa Brasileira De Correios E Telégrafos (Ect)
  • Geni Pocelana Ltda.
  • Libbs Farmacêutica Ltda
  • Maneco Comércio Parafusos Ltda.
  • Pompes Indústria Comércio De Cintos Ltda.
  • Risco Zero Inf. Fomento Mercantil S/c
  • SANOFI-AVENTIS COMERCIAL E LOGÍSTICA LTDA
  • Studio 14 Publicidade
  • Super Check Comércio Ltda.
  • Tec-cer Revestimentos Cerâmicos Ltda.
  • Termogel Produtos De Estética Ltda.
  • Thyssen Aços Especiais Ltda.
  • Vectra Revestimento Cerâmico Ltda.
  • ZAMBON LABORATÓRIOS FARMACÊUTICOS LTDA

Especialistas

  • Alexandre Amin Budaye
  • Ana Cláudia Buoro
  • Antonio Sergio De Oliveira
  • Arlindo Liberatti
  • Braz Batista Bueno
  • Carlos Antonio Angelotti
  • Danielle Vernier Correa
  • Débora De Souza Machado
  • Edson Luiz Mariano
  • Eduardo Augusto Elihmas Simione
  • Eduardo Martiniano Dos Santos
  • Fernando De Oliveira Gaspar
  • Francisco De Assis
  • Gustavo Araújo Gomes
  • Lilian Regina Da Mota
  • Manuel Da Costa Sola
  • Marcia Dolores Pelosi Leandro
  • Maria Helena Dos Santos
  • Milton Alves Dos Santos
  • Noemi Ana De Barros
  • Olavo Ferreira Pessoa Júnior
  • Rogério Da Silva Santos
  • Siram Cordovil Teixeira
  • Suzana De Souza Martins
  • Sérgio Gonçalves
  • Tânia Adorno De Souza
  • Veruska Daniela Rodrigues De Oliveira
  • Zenon Zebrowski

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Laboratoristas industriais auxiliares tabela salário CBO 8181

Tabela de Salários para cargos da Família “Laboratoristas industriais auxiliares”, código CBO 8181.

CBO Cargo Jornada Trabalho Piso Salarial Salário Médio Maior Salário Salário Hora
8181-05 Assistente de laboratório industrial 43 h R$ 1.120,13 R$ 1.577,64 R$ 2.384,18 R$ 7,28
8181-10 Auxiliar de laboratório de análises físico-químicas 43 h R$ 1.004,00 R$ 1.414,09 R$ 2.137,01 R$ 6,54

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Laboratoristas industriais auxiliares CBO 8181” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Planejam o trabalho de apoio do laboratório e preparam vidrarias e materiais similares. Preparam soluções e equipamentos de medição e ensaios e analisam amostras de insumos e matérias-primas. Organizam o trabalho conforme normas de segurança, saúde ocupacional e preservação ambiental.

Formação e experiência

Para o exercício dessas ocupações requer-se ensino médio concluído e curso básico de qualificação profissional de duzentas a quatrocentas horas-aula. O pleno desempenho das atividades ocorre entre um e dois anos de experiência profissional. A(s) ocupação(ões) elencada(s) nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos, nos termos do artigo 429 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, exceto os casos previstos no art. 10 do decreto 5.598/2005.

Condições gerais para exercício do cargo

Atuam predominantemente nos laboratórios de empresas farmoquímicas, farmacêuticas, de alimentos, de tratamento de água, bioquímicas e de celulose. São empregados com carteira assinada e trabalham em equipe, com supervisão permanente, em ambientes fechados, no sistema de rodízio de turnos (diurno/noturno). Algumas atividades são exercidas sob pressão, ocasionando estresse. Podem permanecer expostos à ação de materiais tóxicos e radiação.

Descrição das Atividades

Planejar o trabalho de apoio do laboratório

  1. Interpretar ordens de serviço programadas;
  2. Programar o suprimento de materiais;
  3. Programar as etapas de trabalho;
  4. Selecionar métodos de análise;
  5. Relacionar materiais, equipamentos e instrumentos;
  6. Efetuar cálculos, conforme indicações do método de análise;
  7. Programar materiais, equipamentos e instrumentos;
  8. Preencher fichas e formulários;

Preparar vidrarias e similares

  1. Identificar vidrarias;
  2. Lavar vidrarias;
  3. Secar vidrarias;
  4. Embalar vidrarias;
  5. Esterilizar vidrarias;
  6. Despirogenizar vidrarias;
  7. Identificar condição de uso de vidrarias;
  8. Armazenar vidrarias;

Preparar soluções

  1. Selecionar vidrarias e equipamentos;
  2. Medir reagentes (peso, volume);
  3. Misturar reagentes;
  4. Homogeneizar a solução;
  5. Identificar conteúdo na vidraria, com etiqueta e caneta-pincel;
  6. Filtrar solução;
  7. Medir ph, condutividade e turbidez da água e solução;
  8. Padronizar solução;
  9. Rotular solução;
  10. Armazenar solução;
  11. Manipular meios de cultura;
  12. Esterilizar meios de cultura;

Preparar equipamentos de medição e ensaios

  1. Interpretar manual de operações;
  2. Identificar tensão elétrica de equipamentos;
  3. Preparar máquinas e equipamentos para uso;
  4. Selecionar acessórios;
  5. Montar acessórios;
  6. Desmontar acessórios;
  7. Verificar aferição de equipamentos;
  8. Solicitar manutenção de máquinas e equipamentos

Analisar amostras

  1. Interpretar instruções do plano de amostragem;
  2. Coletar amostras de insumos e matérias-primas;
  3. Etiquetar amostras;
  4. Registrar os dados das amostras;
  5. Realizar procedimentos para preservação das características das amostras;
  6. Preparar amostras para análise, conforme procedimentos;
  7. Separar reagentes e soluções;
  8. Selecionar meios de cultura;
  9. Ordenar bancadas de trabalho;
  10. Executar testes, conforme procedimentos;
  11. Interpretar dados obtidos;
  12. Emitir laudos;

Organizar o trabalho conforme normas de segurança, saúde ocupacional e meio ambiente

  1. Etiquetar materiais químicos e amostras para armazenamento;
  2. Higienizar ambiente de trabalho;
  3. Descartar resíduos;
  4. Organizar fichários e literaturas técnicas;
  5. Manter o ambiente organizado, distribuindo os acessórios e equipamentos de forma organizada;

Demonstrar competências pessoais

  1. Estabelecer relacionamento interpessoal;
  2. Demonstrar sociabilidade;
  3. Exercer autocrítica;
  4. Tomar iniciativa;
  5. Demonstrar senso de auto-organização;
  6. Agir com disciplina;
  7. Demonstrar pró-atividade;

Recursos para exercício do cargo

  1. Recursos de Trabalho;
  2. Dessecador e destilador;
  3. Balões volumétricos;
  4. Bequers, erlen-meyers e tubos de ensaio;
  5. Material de embalagem (caixas de papelão);
  6. Água, ácool, éter, acetona e clorofórmio;
  7. Material de escritório, indicadores (químco e biol.);
  8. Meios de cultura, frascos;
  9. Pipetas (volumétrica, graduadas, automáticas);
  10. Reagentes, ácidos e hidróxidos;
  11. Deionizador, cronômetros;
  12. Microondas;
  13. Autoclaves;
  14. Manta aquecedora;
  15. Contador de colônias;
  16. Microscópios, medidor de ph (phmetro);
  17. Banho-maria, centrífuga;
  18. Geladeira e frezzer;
  19. Chapa aquecedora, mufla;
  20. Agitadores (magnético, tubos);
  21. Colorímetro, turbidímetro, polarímetro;
  22. Cromatógrafo, espectrofotômetro;
  23. Fotômetro de chama, condutivímetro;
  24. Balanças (comum, semi-automática e analítica);
  25. Tesouras, fogão e bico de bumsem;
  26. Agulha e alça de platina;
  27. Material de embalagem (caixas térmicas);
  28. Estufas (bacteriológica – secagem);
  29. Bastão de vidro, pinças, espátulas;
  30. Termômetros, termohigrômetros;
  31. Fluxo laminar;
  32. Provetas, condensadores e placas de petri;
  33. Graus, pistilo funil, papel de filtro;
  34. Buretas (graduadas, automáticas), vidro de relógio;

Cargos relacionados

  1. Assistente de laboratório industrial
  2. Auxiliar de laboratório de análises físico-químicas

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – Senai

Instituições

  • Cbp Central Brasileira Comércio E Indústria De Papel Ltda.
  • Centro De Pesquisas E Análise De Água Centro-oeste
  • Doles Reagentes E Equipamentos Laboratoriais Ltda.
  • Equiplex Indústria E Comércio De Produtos Hospitalares Ltda.
  • Greenpharma Química E Farmacêutica Ltda.
  • Halex Istar Indústria Farmacêutica Ltda.
  • Iquego Indústria Química Do Estado De Goiás S.A.
  • Laboratório Ducto Indústria Farmacêutica Ltda.
  • Saneago Sistema De Abastecimento De Água De Goiás
  • Saneamento De Goiás S.A.
  • Tks Comércio E Indústria Ltda.
  • Tokarski Indústria E Comércio Ltda.

Especialistas

  • Alan Côrtes Rodrigues
  • Denise Vaz Ferreira Da Silva Crispim
  • Débora Lopes Da Paula
  • Hélio Bernardes De Pina
  • Isao Dogakiuti
  • Jerri Carlos Sabino Da Silva
  • José Alves Pereira
  • José Barbosa Dos Santos
  • Maura De Morais
  • Paulo César Barroso
  • Rúbia Cristina Martins Gilbert
  • Silvana Borges Rascop
  • Viviane Desideri
  • Wilma Maria Coelho

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Artista da dança (exceto dança tradicional e popular) tabela salário CBO 2628

Tabela de Salários para cargos da Família “Artista da dança (exceto dança tradicional e popular)”, código CBO 2628.

CBO Cargo Jornada Trabalho Piso Salarial Salário Médio Maior Salário Salário Hora
2628-05 Assistente de coreografia 44 h R$ 1.303,95 R$ 1.836,55 R$ 2.775,44 R$ 8,38
2628-10 Dançarino 36 h R$ 1.951,79 R$ 2.749,01 R$ 4.154,38 R$ 15,11
2628-10 Bailarino intérprete 36 h R$ 1.951,79 R$ 2.749,01 R$ 4.154,38 R$ 15,11
2628-10 Bailarino criador 36 h R$ 1.951,79 R$ 2.749,01 R$ 4.154,38 R$ 15,11
2628-10 Bailarino (exceto danças populares) 36 h R$ 1.951,79 R$ 2.749,01 R$ 4.154,38 R$ 15,11
2628-15 Bailarino coreógrafo 35 h R$ 3.843,38 R$ 5.413,21 R$ 8.180,61 R$ 31,38
2628-15 Coreógrafo bailarino 35 h R$ 3.843,38 R$ 5.413,21 R$ 8.180,61 R$ 31,38
2628-15 Coreógrafo 35 h R$ 3.843,38 R$ 5.413,21 R$ 8.180,61 R$ 31,38
2628-20 Dramaturgo de dança 36 h R$ 2.389,15 R$ 3.365,00 R$ 5.085,29 R$ 18,69
2628-25 Ensaiador de dança 31 h R$ 954,00 R$ 1.259,27 R$ 1.903,05 R$ 8,20
2628-30 Maître de ballet 33 h R$ 1.452,02 R$ 2.045,10 R$ 3.090,62 R$ 12,42
2628-30 Professor de dança 33 h R$ 1.452,02 R$ 2.045,10 R$ 3.090,62 R$ 12,42

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Artista da dança (exceto dança tradicional e popular) CBO 2628” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Concebem e concretizam projeto cênico em dança, realizando montagens de obras coreográficas; executam apresentações públicas de dança e, para tanto, preparam o corpo, pesquisam movimentos, gestos, dança, e ensaiam coreografias. Podem ensinar dança.

Formação e experiência

O exercício das ocupações da família não exige escolaridade formal determinada, embora siga-se a tendência que vem ocorrendo no mundo das artes em geral, rumo à profissionalização. Nesse sentido, torna-se-á cada vez mais desejável que o profissional tenha curso superior na área. Para o exercício pleno das atividades, requer-se mais de cinco anos de experiência.

Condições gerais para exercício do cargo

Trabalham nas áreas de criação, pesquisa e ensino. Suas atividades são sempre realizadas em equipe e podem se desenvolver tanto em companhias estáveis de bailado, em que predominam os vínculos formais de trabalho, estabilidade no emprego e possibilidade de construir uma carreira, como em cooperativas ou como autônomos, realizando produções independentes. Esta última é a situação da grande maioria dos profissionais, os quais, em geral, se auto financiam, costumeiramente, exercendo atividades como professores, terapeutas etc. concomitantemente à dança.

Descrição das Atividades

Realizar apresentação pública de dança

  1. Supervisionar equipe de bailarinos;
  2. Supervisionar equipe de iluminação;
  3. Supervisionar equipe de multimídia;
  4. Supervisionar equipe de cenografia;
  5. Supervisionar equipe de música;
  6. Supervisionar equipe de adereços e figurinos;
  7. Supervisionar equipe de maquiagem e caracterização;
  8. Aquecer-se por meio de exercícios específicos;
  9. Concentrar-se por meio de atividades individuais e coletivas;
  10. Interpretar ideias e sensações por meio da dança;
  11. Interpretar imagens por meio da dança;
  12. Interpretar narrativas por meio da dança;
  13. Dançar;

Conceber projeto cênico em dança

  1. Desenvolver ideia ou tema;
  2. Escolher música, texto, imagens, objetos etc;
  3. Levantar elementos sobre o tema a partir de vários meios (literatura, documentação etc);
  4. Improvisar movimentos;
  5. Experimentar movimentos, sequências de movimento;
  6. Criar movimentos nas variadas linguagens de dança;
  7. Configurar roteiros e ou estruturas coreográficas em movimentos;
  8. Configurar elementos da dança (espaço, tempo, formas, movimento, etc);
  9. Selecionar técnicas corporais;
  10. Investigar outras linguagens artísticas (teatro, cinema, circo, etc);
  11. Selecionar equipe artística;
  12. Recriar passos codificados;
  13. Selecionar gestos, passos e sequências;
  14. Reelaborar gestos, passos e senciências;
  15. Registrar gestos, passos e sequências;
  16. Considerar o espaço e o público na concepção cênica;
  17. Conceber soluções cênicas;
  18. Definir realização do projeto em conjunto com produção executiva e direção artística;

Concretizar projeto cênico realizando montagem da obra coreográfica

  1. Transpor ideias, imagens, sensações em linguagem coreográfica;
  2. Executar movimentos (gestos, ações, passos codificados);
  3. Elaborar ações físicas no espaço e no tempo;
  4. Construir qualidade dramática do e pelo movimento;
  5. Expressar imagens, ideias, narrativas na obra coreográfica;
  6. Expressar sentimentos e sensações na obra coreográfica;
  7. Articular as partes da obra coreográfica;
  8. Coordenar equipes de criação;
  9. Selecionar elenco;
  10. Participar de provas de figurino, maquiagem e adereços;
  11. Participar de sessões de registro e gravação de imagens;
  12. Gerir projeto em conjunto com produção executiva e direção artística;
  13. Gerir estratégias de difusão do projeto em conjunto com produção e direção (mídia, imprensa etc);

Ensaiar coreografia

  1. Experimentar ações, passos, gestos e movimentos;
  2. Experimentar o uso de objetos na dança;
  3. Apreender proposta coreográfica;
  4. Transmitir proposta coreográfica a diferentes elencos;
  5. Fixar sequência de movimentos;
  6. Memorizar ações em seus aspectos sensoriais, cinético, espaciais e rítmicos;
  7. Memorizar situações em seus aspectos sensoriais, cinético, espaciais e rítmicos;
  8. Memorizar movimentos em seus aspectos sensoriais, cinético, espaciais e rítmicos;
  9. Memorizar gestos em seus aspectos sensoriais, cinético, espaciais e rítmicos;
  10. Memorizar sequência de movimentos em seus aspectos sensoriais, cinético, espaciais e rítmicos;
  11. Interagir com parceiros de dança;
  12. Participar de ensaios gerais;
  13. Fazer marcações de luz, som, cena, espaço;

Preparar o corpo para dança

  1. Fazer aulas de diferentes técnicas corporais;
  2. Aperfeiçoar técnicas de dança;
  3. Ampliar a capacidade corporal experimentando várias formas da linguagem da dança;
  4. Aumentar capacidade de suportar esforços físicos por meio de repetições contínuas;
  5. Aumentar capacidade artística por meio de treinamentos específicos;
  6. Avaliar natureza e nível de dificuldade dos movimentos;
  7. Preparar corpo para realização das propostas estéticas;
  8. Adotar medidas profiláticas de preservação física;

Pesquisar movimentos, gestos e dança

  1. Investigar linguagens;
  2. Incorporar diferentes linguagens artísticas;
  3. Levantar material sobre o tema;
  4. Explorar material coletado (objetos, elementos coreográficos, música etc);
  5. Selecionar material coletado (objetos, elementos coreográficos, música etc);
  6. Desenvolver experimentação e improvisos;
  7. Estudar diferentes técnicas, métodos e estilos artísticos;
  8. Registrar processo de pesquisa desenvolvido por meio gráfico, audiovisual etc;

Ensinar dança

  1. Ministrar aulas magnas em dança;
  2. Ensinar técnicas de dança para companhias profissionais;
  3. Reciclar professores de dança;
  4. Ensinar dança para amadores;
  5. Ensinar técnicas corporais;
  6. Ensinar técnicas de dança (balé clássico, moderno, contemporâneo, sapateado, etc);
  7. Ensinar técnicas e métodos de improvisação;
  8. Ensinar técnicas e métodos de composição;
  9. Ensinar técnicas e métodos de criação;
  10. Ensinar técnicas e métodos de análise do movimento;
  11. Realizar oficinas de dança;
  12. Realizar seminários e palestras em dança;

Demonstrar competências pessoais

  1. Desenvolver consciência cinesiológica;
  2. Conhecer seus limites psicofísicos;
  3. Adaptar-se a situações imprevistas;
  4. Demonstrar conhecimento dos componentes do espetáculo (espaço cênico, luzes);
  5. Trabalhar em equipe;
  6. Liderar equipes;
  7. Desenvolver sensibilidade artística;
  8. Desenvolver habilidades para maquiagem, caracterização e uso de adereços;
  9. Manter corpo preparado;
  10. Desenvolver capacidade de observação e percepção;

Recursos para exercício do cargo

  1. Recursos de Trabalho;
  2. Sala de aula com piso adequado à dança;
  3. Aparelho de som;
  4. Softwares específicos;
  5. Material psicoterápico (Bolinhas, elásticos, etc);
  6. Piano;
  7. Espelho;
  8. Barras;
  9. Sapatilhas;
  10. Joelheiras;
  11. Roupas confortáveis;
  12. Câmera filmadora;
  13. Iluminação adequada;
  14. Vídeo;
  15. Maquiagem;
  16. Linóleo;
  17. Figurinos adequados;
  18. Piso apropriado;
  19. Sapatos;
  20. Fitas para linóleo;
  21. Telão;
  22. Material para cenário;
  23. Microfones;
  24. Discos;
  25. TV;
  26. Equipamento cenográfico adequado;
  27. Piso de madeira compensado;
  28. Sala com pé direito alto;
  29. Fitas de vídeo;
  30. Fitas cassete;
  31. Cd´s;
  32. Livros;
  33. Equipamentos de luz;
  34. Internet;

Cargos relacionados

  1. Assistente de coreografia;
  2. Bailarino (exceto danças populares) – Bailarino criador, Bailarino intérprete, Dançarino;
  3. Coreógrafo – Bailarino coreógrafo, Coreógrafo bailarino;
  4. Dramaturgo de dança;
  5. Ensaiador de dança;
  6. Professor de dança – Maître de ballet;

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Instituições

  • Balé Da Cidade De Sp – Prefeitura De São Paulo
  • Centro Cultural Teatro Guaíra
  • Companhia Será Quê? Ltda.
  • Condança
  • Escola De Dança Ruth Rachou
  • Projeto Axé/centro De Defesa À Criança E Ao Adoles
  • Rede Stagium E Eca-usp
  • Sindicato Dos Artistas Etécnicos Em Espetáculos Sp
  • Unicamp – Instituto De Artes
  • Universidade Anhembi Morumbi

Especialistas

  • Ana Terra (Ana Maria Rodrigues Costas)
  • Angela De Azevedo Nolf
  • Carlos Alberto Teixeira Dos Santos
  • Carlos Martins
  • Cássia Navas Alves De Castro
  • Eliana Martins Cavalcante
  • Holly Elizabeth Cravrell
  • Hugo Andres Patino (Hugo Travers)
  • Lia De Carvalho Robatto
  • Maria Waleska Van Helden
  • Marila Annibelli Vellozo Andreazza
  • Márcia Strazzacappa Hernández
  • Mônica Mion Arruda Alves
  • Rui Moreira Dos Santos
  • Ruth Margarida Da Silva (Ruth Rachou)
  • Sofia Helena Martins Cavalcante
  • Sílvia Maria Geraldi
  • Tércio Marinho Do Nascimento Júnior

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Cobradores e afins tabela salários CBO 4213

Tabela de Salários para cargos da Família “Cobradores e afins tabela salários ”, CBO 4213

CBO Cargo Jornada Trabalho Piso Salarial Média Salarial Maior Salário Salário Hora
4213-05 Cobrador externo 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-05 Cobrador de aluguéis 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-05 Representante de cobrança 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-05 Cobrador pracista 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-05 Consultor de cobrança 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-05 Recuperador externo 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-05 Cobrador viajante 44 h R$ 954,00 R$ 1.209,39 R$ 1.827,67 R$ 5,56
4213-10 Operador de cobrança 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Cobrador interno 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Recuperador de ativos 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Auxiliar de cobrança 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Recuperador de crédito 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Operador de telecobrança 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Assistente de cobrança 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Recuperador interno 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Analista de cobrança 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-10 Monitor de cobrança 38 h R$ 954,00 R$ 1.123,72 R$ 1.698,20 R$ 5,91
4213-15 Localizador (cobrador) 43 h R$ 954,00 R$ 1.175,79 R$ 1.776,89 R$ 5,43
4213-15 Notificador 43 h R$ 954,00 R$ 1.175,79 R$ 1.776,89 R$ 5,43
4213-15 Localizador externo 43 h R$ 954,00 R$ 1.175,79 R$ 1.776,89 R$ 5,43

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Cobradores e afins tabela salários CBO 4213” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Efetuam cobrança de valores devidos a empresas e ou instituições, contatando devedores e negociando formas de pagamento; analisam títulos e documentos de cobrança; definem estratégias e elaboram itinerários de cobrança; contatam avalistas e ou fiadores. Notificam débitos; registram informações de negociações com o devedor; elaboram relatórios de prestação de contas e de encerramento de cobrança. Atualizam cadastro e identificam cobranças indevidas.

Formação e experiência

A escolaridade de acesso a essas ocupações é de nível médio. O curso técnico em área administrativa é desejável. Atualmente, o trabalho de cobrança, na maioria das empresas, é terceirizado. Em algumas delas, é ¿quarteirizado¿ por uma empresa de cobrança que já é uma terceira. Vale destacar que as tarefas desempenhadas pelos cobradores externos, atualmente, são realizadas por telefone. A(s) ocupação(ões) elencada(s) nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos, nos termos do artigo 429 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, exceto os casos previstos no art. 10 do decreto 5.598/2005.

Condições gerais para exercício do cargo

Os cobradores atuam em instituições financeiras, bancos e empresas que exerçam atividades de intermediação financeira. O local de trabalho pode ser fechado ou aberto, dependendo da atividade. Trabalham em horários diurnos e, podem atuar como autônomos ou assalariados, com carteira assinada. Atuam de forma individual, sob supervisão ocasional ou permanente, dependendo da experiência. Muitas vezes são expostos a ruídos, pressões ou lesões por esforço repetitivo.

Descrição das Atividades

Cobrar valores devidos

  1. Apresentar para o devedor títulos devidos;
  2. Negociar formas de pagamento com o devedor;
  3. Fechar negociações com devedor;
  4. Realizar acordos com entradas simbólicas;
  5. Suspender cobrança até o prazo acordado;
  6. Acompanhar cumprimento do acordo formalizado;
  7. Emitir recibos;
  8. Entregar comprovantes de recebimentos de valores;
  9. Recuperar mercadorias não pagas;
  10. Receber outros bens em troca das dívidas;
  11. Encaminhar títulos ao cartório;

Preparar cobrança

  1. Analisar títulos e documentos de cobrança;
  2. Agrupar documentos;
  3. Analisar razões da inadimplência;
  4. Levantar informações sobre o devedor;
  5. Verificar prioridade do débito para o devedor;
  6. Verificar fatos geradores da dívida;
  7. Consultar legislação (código civil, comercial e do consumidor);
  8. Analisar faixa de atraso, valor e região;
  9. Analisar histórico creditício do devedor;
  10. Definir estratégias de cobrança;
  11. Elaborar itinerário de cobrança;

Comunicar-se com devedor

  1. Operar sistema de telefonia;
  2. Operar meios eletrônicos;
  3. Identificar-se ao devedor;
  4. Adaptar linguagem conforme o devedor e o produto;
  5. Adaptar meios de cobrança à pessoa física ou jurídica;
  6. Identificar o responsável pelo pagamento da dívida;
  7. Manter privacidade da dívida com terceiros;
  8. Conscientizar devedor sobre a responsabilidade da dívida;
  9. Verificar situação financeira do devedor;
  10. Contatar fiador ou avalista;

Informar ao devedor

  1. Notificar débito através de carta;
  2. Informar devedor sobre o débito;
  3. Informar sobre campanhas de desconto;
  4. Informar ao devedor as vantagens da recuperação do crédito;
  5. Informar devedor sobre as consequências da inadimplência;
  6. Informar sobre sanções do não cumprimento do acordo;
  7. Notificar ao devedor sua inclusão nos órgãos de proteção ao crédito;
  8. Informar locais de pagamento;

Registrar histórico da ação de cobrança

  1. Registrar ações realizadas no contato com devedor;
  2. Definir data de promessa de pagamento;
  3. Registrar informações da negociação;
  4. Ordenar as informações para elaboração de prestação de contas;
  5. Elaborar relatórios de prestação de contas;
  6. Elaborar relatório de encerramento da cobrança;
  7. Encaminhar processo ao departamento jurídico;

Atualizar cadastro

  1. Coletar informações cadastrais por meios eletrônicos e de telecomunicações;
  2. Consultar guias de CEP (código de endereçamento postal);
  3. Consultar pessoas dadas como referência ou como fiador;
  4. Consultar instituições financeiras;
  5. Consultar instituições públicas;
  6. Levantar informações junto à vizinhança e local de trabalho;
  7. Confrontar cadastro com coleta de informações;
  8. Verificar veracidade das informações coletadas;
  9. Pesquisar informações omissas no cadastro;
  10. Consultar informações cartográficas;
  11. Localizar o devedor pessoalmente;
  12. Localizar bens dados como garantia de dívida;
  13. Avaliar estado físico do bem;
  14. Requisitar certidão negativa no fórum e ou cartórios;

Identificar cobranças indevidas

  1. Solicitar comprovante de pagamento ou cancelamento;
  2. Localizar pagamento efetuado;
  3. Rastrear localização das mercadorias devolvidas;
  4. Verificar veracidade do comprovante do pagamento;
  5. Confirmar improcedência da cobrança;
  6. Anexar documentos;
  7. Solicitar reabilitação do devedor junto aos órgãos de proteção de crédito;
  8. Levantar hipóteses de fraude;

Demonstrar competências pessoais

  1. Demonstrar postura profissional;
  2. Lidar com conflitos;
  3. Demonstrar capacidade de persuasão;
  4. Demonstrar habilidade para cálculos financeiros;
  5. Demonstrar segurança;
  6. Demonstrar capacidade de negociação;
  7. Demonstrar dinamismo;
  8. Demonstrar disciplina;
  9. Transmitir confiança;
  10. Demonstrar desinibição;
  11. Demonstrar objetividade;
  12. Demonstrar polidez;
  13. Demonstrar habilidade numérica;
  14. Demonstrar capacidade de observação;
  15. Demonstrar ambição;
  16. Demonstrar disposição para viagem;
  17. Demonstrar capacidade de intuição;
  18. Demonstrar perseverança;
  19. Demonstrar paciência;

Recursos para exercício do cargo

  1. Recursos de Trabalho;
  2. Telefone;
  3. Computador;
  4. Fax;
  5. Guia de ruas;
  6. Listas telefônicas;
  7. Guias de CEP;
  8. Mapas;
  9. Talão de recibos;
  10. Calculadora;
  11. Meio de transporte;

Cargos relacionados

  1. Cobrador externo – Cobrador de aluguéis, Cobrador pracista, Cobrador viajante, Consultor de cobrança, Recuperador externo, Representante de cobrança;
  2. Cobrador interno – Analista de cobrança, Assistente de cobrança, Auxiliar de cobrança, Monitor de cobrança, Operador de cobrança, Operador de telecobrança, Recuperador de ativos, Recuperador de crédito, Recuperador interno;
  3. Localizador (cobrador) – Localizador externo, Notificador;

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Instituições

  • Banco Panamericano S.A.
  • Bcm
  • C C Coop
  • Consulcred Consultoria E Cobrança Ltda.
  • Creditare Assessoria E Consultoria
  • Empenho – Empresa De Cobrança S/c Ltda.
  • Escritório Unidos
  • Expoente Cobrança E Assessoria Ltda.
  • Fininvest S.A.
  • Legião Da Boa Vontade (Lbv)
  • Mabel Artigos De Caça E Pesca Ltda.Montreal Assessoria
  • Operator – Serviços De Cobrança Ltda.
  • Rodoviário Afonso Ltda.
  • Instituição Conveniada Responsável
    Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Especialistas

  • Alexandre Gomes Pardal
  • Antonio Ferreira Dos Santos
  • Christy Daniela Martins
  • Devair Molina Da Silva
  • Edemilson Santos De Souza
  • Henrique Dias Navarro
  • Hélio Labonia
  • Jorge Gonçalves De Abreu
  • João De Assis Vasconcelos
  • Luciana Maria Ferreira
  • Maria Do Socorro Rocha Da Franca
  • Maria Tereza Ferreira Miranda
  • Marilucia Teles De Jesus
  • Marlene Alves Nogueira Oliveira
  • Odete De Melo
  • Roberval Pereira Brandi
  • Rubens Magliano

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Técnico de operação de emissora de rádio tabela salários CBO 3731

Tabela de Salários para cargos da Família “Técnico de operação de emissora de rádio ”, código CBO 3731.

CBO Cargo Jornada Trabalho Piso Salarial Média Salarial Maior Salário Salário Hora
3731-05 Operador de console (rádio) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Operador de estúdio (rádio) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Sonoplasta (continuidade) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Operador de áudio de continuidade (rádio) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Operador de aúdio (rádio) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Técnico de áudio (rádio) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Operador de mesa (rádio) 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-05 Operador de áudio de estúdio 38 h R$ 1.185,03 R$ 1.669,05 R$ 2.522,32 R$ 8,85
3731-10 Operador de central de rádio 39 h R$ 1.061,81 R$ 1.495,50 R$ 2.260,05 R$ 7,65
3731-15 Operador de externa (rádio) 39 h R$ 954,00 R$ 1.287,76 R$ 1.946,11 R$ 6,58
3731-15 Operador de rádio (equipamentos móveis) 39 h R$ 954,00 R$ 1.287,76 R$ 1.946,11 R$ 6,58
3731-15 Operador de equipamentos de transmissão (móveis) 39 h R$ 954,00 R$ 1.287,76 R$ 1.946,11 R$ 6,58
3731-15 Operador de emissora de rádio (equipamentos móveis) 39 h R$ 954,00 R$ 1.287,76 R$ 1.946,11 R$ 6,58
3731-20 Engenheiro de gravação (rádio) 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-20 Sonoplasta (gravação) 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-20 Técnico de gravação (rádio) 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-20 Operador de estúdio de gravação de áudio 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-20 Engenheiro de som (rádio) 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-20 Operador de gravadora (rádio) 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-20 Operador de gravação de rádio 37 h R$ 1.330,47 R$ 1.873,91 R$ 2.831,90 R$ 10,06
3731-25 Operador de transmissor 40 h R$ 1.051,96 R$ 1.481,63 R$ 2.239,08 R$ 7,36
3731-25 Operador de transmissor de rádio 40 h R$ 1.051,96 R$ 1.481,63 R$ 2.239,08 R$ 7,36

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Técnico de operação de emissora de rádio  CBO 3731” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Operam equipamentos de uma emissora de rádio e televisão; organizam e executam a grade de programação da emissora; tratam áudio (trilhas sonoras, músicas, vinhetas, comerciais, chamadas promocionais e programas) e manipulam áudio e vídeo. Conferem a qualidade técnica do conteúdo gravado e gerado além de administrar o tráfego de sinal. No exercício das atividades mobilizam capacidades de administrar o tempo, além de capacidades comunicativas para interagir com as equipes técnica, de programação e comercial.

Formação e experiência

O exercício das ocupações requer formação contínua no interior de emissoras de rádio e de televisão, para obtenção do conhecimento tácito vinculado ao conjunto de equipamentos a operar, em processo de constante mudança. O desempenho pleno das atividades ocorre com experiência de um a dois anos. A escolaridade requerida é o 2º grau completo. A(s) ocupação(ões) elencada(s) nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos, nos termos do artigo 429 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, exceto os casos previstos no art. 10 do decreto 5. 598/2005.

Condições gerais para exercício do cargo

Atuam em estações de rádio, emissoras de televisão e em atividades recreativas, culturais e desportivas. Trabalham a céu aberto, em ambientes fechados ou em veículos, em rodízio de turnos ou em horários irregulares. São empregados assalariados, com carteira assinada, que trabalham em equipe, sob supervisão ocasional. Algumas das atividades exercidas estão sujeitas a ruídos, a pressão de tempo e à radiação que podem conduzir a estresse.

Descrição das Atividades

Checar funcionamento dos equipamentos

  1. Ligar/desligar equipamentos;
  2. Testar equipamentos;
  3. Realizar checklist dos equipamentos e sistemas;
  4. Detectar problemas;
  5. Verificar configuração dos equipamentos;
  6. Checar sinal;
  7. Verificar referências de tempo;
  8. Sincronizar referências de tempo;
  9. Realizar manutenção primária;
  10. Acionar manutenção;
  11. Separar equipamentos e materiais;

Organizar grade de programação

  1. Consolidar roteiro de exibição;
  2. Checar roteiro de exibição;
  3. Planejar mídia;
  4. Monitorar audiência;
  5. Checar conteúdos a serem exibidos;
  6. Coordenar horários de exibição de programas e comerciais;
  7. Coordenar tempo de exibição de programas ao vivo;
  8. Afinar roteiro de exibição;
  9. Elaborar texto para exibição de caracteres;
  10. Digitar caracteres;
  11. Checar caracteres e grafismos antes de serem exibidos;
  12. Executar alteração no roteiro de programas;
  13. Ajustar grade de programação;
  14. Informar afiliadas sobre grade de programação (tempo e/ou horário de exibição de programas, configuração dos intervalos);
  15. Aplicar determinações da legislação pertinente;

Executar grade de programação

  1. Montar playlist com conteúdos para exibição;
  2. Sequenciar playlist;
  3. Alterar playlist;
  4. Checar playlist;
  5. Inserir logo, grafismo, marca d’água e caracteres;
  6. Operar sistemas de exibição (mesa, vt, computadores e playlist);
  7. Selecionar sinais para atender a grade de programação;
  8. Acompanhar execução da grade de programação;
  9. Conduzir programação de acordo com horário estabelecido pela emissora;
  10. Comutar equipamentos de transmissão e/ou recepção;
  11. Monitorar recursos de acessibilidade (closed caption, libras e audiodescrição);
  12. Sincronizar programação com a da rede

Tratar áudio

  1. Selecionar trilhas sonoras;
  2. Editar áudio (trilha sonora, música, vinheta, comercial, chamada promocional);
  3. Editar programas;
  4. Sonorizar vídeos, vinhetas e comerciais;
  5. Adicionar áudios especiais;
  6. Mixar áudio;
  7. Nivelar modulação;
  8. Captar áudio;
  9. Gravar áudio;
  10. Distribuir áudio;
  11. Masterizar produto;
  12. Adequar formato do material para veiculação;
  13. Conectar/desconectar a linha do ouvinte;
  14. Arquivar conteúdo final;

Manipular áudio e vídeo

  1. Receber material;
  2. Instalar microfones, cabos, câmeras e iluminação;
  3. Posicionar microfones, cabos, câmeras e iluminação;
  4. Gravar conteúdo;
  5. Gerar conteúdo;
  6. Selecionar imagens;
  7. Configurar equipamentos audiovisuais;
  8. Organizar conteúdo de exibição, edição e gravação;
  9. Criar enquadramentos e/ou movimentos de câmeras;
  10. Preparar equipamentos e recursos do cenário;

Conferir qualidade técnica do conteúdo

  1. Avaliar material recebido;
  2. Ajustar níveis e/ou padrões de vídeo;
  3. Monitorar qualidade de áudio e vídeo;
  4. Monitorar instrumentos de indicadores de mau funcionamento dos sistemas e equipamentos;
  5. Monitorar sinais de entrada e saída;
  6. Conferir material captado;
  7. Acionar sistema de contingência e/ou redundância;

Administrar tráfego de sinal

  1. Alinhar equipamento de transmissão e/ou recepção;
  2. Monitorar qualidade técnica do sinal;
  3. Administrar intercomunicação entre pontos receptivos de geração de sinal;
  4. Administrar intercomunicação entre pontos receptores de geração de sinal;
  5. Canalizar sinais;
  6. Selecionar sinais para atender produtos;

Comunicar-se

  1. Verificar agenda de rotina de trabalho;
  2. Interagir com áreas afins;
  3. Registrar medidas e/ou ocorrências;
  4. Relatar ocorrências;
  5. Emitir parecer técnico;
  6. Receber notificação de mudança na programação;
  7. Comunicar roteiros de exibição aos departamentos afins;
  8. Instruir auxiliares (iluminação, áudio e caboman);
  9. Apresentar sugestões sobre a grade de programação da emissora;
  10. Divulgar audiência;
  11. Elaborar relatórios;
  12. Divulgar grade de programação para diferentes mídias;

Demonstrar competências pessoais

  1. Trabalhar em equipe;
  2. Trabalhar sob pressão;
  3. Demonstrar capacidade de iniciativa;
  4. Demonstrar sensibilidade;
  5. Demonstrar capacidade de concentração;
  6. Demonstrar capacidade de autocontrole;
  7. Demonstrar capacidade de organização;
  8. Demonstrar criatividade;
  9. Demonstrar raciocínio lógico;
  10. Demonstrar capacidade de atenção difusa;
  11. Administrar horário;
  12. Demonstrar acuidade auditiva;
  13. Demonstrar acuidade visual;
  14. Demonstrar dedicação;

Recursos para exercício do cargo

  1. Intercomunicadores;
  2. Amplificadores;
  3. Codificadores;
  4. Decodificadores;
  5. Mesa de controle mestre (corte áudio-vídeo);
  6. Mesas de efeito especial;
  7. Sincronizadores;
  8. Iluminação com 3 pontos;
  9. Rádio retorno;
  10. Equipamentos de medição de níveis de áudio-vídeo;
  11. Painéis de comutação de áudio-vídeo (patch);
  12. Carregador de bateria;
  13. Manuais técnicos de operações;
  14. Câmera (câmera broadcast);
  15. Tripés (dolly, w7);
  16. Epi;
  17. Live-u (transmissão);
  18. Teleprompter;
  19. Pht (micro-ondas);
  20. Recursos técnicos de produção e de sistema de tv;
  21. Plataformas digitais;
  22. Antenas;
  23. Aparelhos de micro-ondas de transmissão-recepção;
  24. Playlist;
  25. Botoneira;
  26. Comutadores;
  27. Equipamentos de videoteipe;
  28. Fonte de alim de energia, estabilizador, nobreak;
  29. Mesas de áudio;
  30. Unidade controladora de câmera;
  31. Conversor de vídeo;
  32. Pilhas, baterias (9v, câmera, iluminação);
  33. Distribuidor áudio-vídeo;
  34. Aparelho de ar condicionado;
  35. Compressor áudio-vídeo;
  36. Relógio;
  37. Recursos sistematizados de tecnologia;
  38. Gravador;
  39. Cabos (áudio-vídeo, elétricos, comunicação, hdmi);
  40. Régua de edição;
  41. Microfones (de mão standby, fio de mão, de lapela);
  42. Material de escritório;
  43. Híbrida telefônica;
  44. Estabilizador de energia;
  45. Caixas acústicas;
  46. Receptores;
  47. Gravador de censura;
  48. Transmissores de sinal (via satélite – hpa);
  49. Sistemas de comunicação;
  50. Fitas;
  51. Gerador de energia;
  52. Fones de ouvido;
  53. Veículos de transporte;
  54. Cronômetro;
  55. Editor de áudio-vídeo;

Cargos relacionados

  1. Operador de mídia audiovisual – Operador de gravação, Operador de mesa (rádio), Operador de rádio, Operador de vídeo, Operador de áudio, Técnico de áudio (rádio);
  2. Técnico de sistemas audiovisuais – Operador de externas, Operador de videoteipe, Técnico de captação de som, Técnico de externas (sistemas audiovisuais), Técnico de sistema de televisão, Técnico de transmissor de rádio;
  3. Operador de controle mestre – Controle mestre;
  4. Coordenador de programação – Controlador de programação;
  5. Assistente de operações audiovisuais – Assistente de câmera externa, Auxiliar de cinegrafia, Auxiliar de iluminação, Auxiliar de unidade portátil externa, Auxiliar iluminador, Operador de cabos, Operador de microfone, Operador de unidade portátil externa, Técnico de externas (operações audiovisuais);

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Instituições

  • EMPRESA PAULISTA DE TELEVISÃO S/A
  • Fundação Cásper Líbero (Rádio Gazeta De São Paulo)
  • Fundação Educativa Comunitária De Bh Rádio Favela
  • GLOBO COMUNICAÇÕES E PARTICIPAÇÕES SA
  • RADIO TELEVISÃO DE UBERLÂNDIA LTDA
  • Radiobrás
  • Rede Horizonte De Radiodifusão
  • RÁDIO E TELEVISÃO BANDEIRANTES LTDA.
  • Rádio Comunitária Alternativa Fm De Venda Nova
  • Rádio Del Rey Ltda.
  • Rádio Inconfidência
  • Rádio Itatiaia Ltda.
  • Rádio Líder Fm
  • Rádio Ouro Preto
  • SOMPUR SÃO PAULO RADIODIFUSÃO LTDA
  • Sindicato Dos Trabalhadores De Emissoras De Rádio E Tv
  • Sociedade Rádio Alvorada Ltda.
  • Sociedade Rádio E TV Alterosa
  • TV GAÚCHA S/A
  • TV SBT CANAL 4 SP
  • Instituição Conveniada Responsável
    Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Especialistas

  • Adair Eleutério Pinto
  • Adalberto Cardoso
  • Aldair Spader
  • Alex Sandro Barbosa
  • Carlos Alberto Silva
  • Carlos José Amaral
  • Dewandre Hugo Macedo
  • Diego Henrique Oliveira Nascimento
  • Fabiano Vilas Boas Moraes
  • Fabio Eduardo Callamari Barão
  • Gilmar Gonçalves Dos Anjos
  • Giovanni Beltran De Oliveira
  • Joni José De Oliveira
  • José Antonio De Araújo Filho
  • Leandro Duarte Fernandes
  • Lucas Alexandre De Souza Melo
  • Marcelo Avelinos Dos Santos
  • Misael Avelino Dos Santos
  • Obelino Augusto Filho
  • Paulo Roberto Gelsomine Nobre
  • Rodrigo Antunes Gonçalves
  • Sérgio Duarte Silva
  • Sérgio Márcio Fernandes
  • Theris Rawlison Alvarenga Cruz
  • Thiago Perrucci Da Silva
  • Wilder Monteiro Machado

 Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Técnico de biblioteconomia tabela salários CBO 3711

Tabela de Salários para cargos da Família “Técnico de biblioteconomia tabela salários”, código CBO 3711

CBO Cargo Jornada Trabalho Piso Salarial Média Salarial Maior SAlário Salário Hora
3711-05 Auxiliar de bibliotecário 41 h R$ 954,00 R$ 1.342,06 R$ 2.028,16 R$ 6,60
3711-05 Auxiliar de biblioteca 41 h R$ 954,00 R$ 1.342,06 R$ 2.028,16 R$ 6,60
3711-05 Auxiliar de serviços bibliotecários 41 h R$ 954,00 R$ 1.342,06 R$ 2.028,16 R$ 6,60
3711-05 Assistente de biblioteca 41 h R$ 954,00 R$ 1.342,06 R$ 2.028,16 R$ 6,60
3711-10 Técnico em biblioteconomia 41 h R$ 1.651,21 R$ 2.325,65 R$ 3.514,60 R$ 11,36
3711-10 Técnico de documentação e informação 41 h R$ 1.651,21 R$ 2.325,65 R$ 3.514,60 R$ 11,36
3711-10 Tratador de documentos (biblioteconomia) 41 h R$ 1.651,21 R$ 2.325,65 R$ 3.514,60 R$ 11,36
3711-10 Técnico de biblioteca 41 h R$ 1.651,21 R$ 2.325,65 R$ 3.514,60 R$ 11,36
3711-10 Técnico em documentação 41 h R$ 1.651,21 R$ 2.325,65 R$ 3.514,60 R$ 11,36

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Técnico de biblioteconomia tabela salários CBO 3711” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Atuam no tratamento, recuperação e disseminação da informação e executam atividades especializadas e administrativas relacionadas à rotina de unidades ou centros de documentação ou informação, quer no atendimento ao usuário, quer na administração do acervo, ou na manutenção de bancos de dados. Participam da gestão administrativa, elaboração e realização de projetos de extensão cultural. Colaboram no controle e na conservação de equipamentos. Participam de treinamentos e programas de atualização.

Formação e experiência

Para o exercício das ocupações requer-se formação técnica em biblioteconomia em nível médio e entre quatro e cinco anos de experiência para o exercício pleno das atividades; os auxiliares de biblioteca são técnicos de nível médio que estão no início de carreira, cujo exercício não requer experiência profissional anterior. Os profissionais sem formação técnica profissionalizante devem ser classificados como 4151 – auxiliares de serviços de documentação, informação e pesquisa.

Condições gerais para exercício do cargo

Trabalham em bibliotecas, centros de documentação, arquivos,por exemplo, em escolas de ensino fundamental, médio, superior e profissional, associações profissionais, empresas, órgãos de administração pública direta e indireta, institutos de pesquisa e estatística, organizações não governamentais etc. Seu vínculo de trabalho predominante é como empregado com carteira e seu trabalho se dá, em geral, em grupos com supervisão ocasional ou permanente. Em algumas atividades, alguns profissionais podem trabalhar em condições especiais, sujeitos aos efeitos de esforços repetitivos e de microorganismos.

Descrição das Atividades

Participar do processo de disseminação da informação

  1. Orientar o usuário sobre as diversas linguagens para recuperação da informação;
  2. Elaborar mural;
  3. Elaborar folhetos;
  4. Elaborar alertas bibliográficos;
  5. Elaborar cartazes;
  6. Participar da elaboração de manuais de procedimentos;
  7. Preparar painel para exposição das novas aquisições;
  8. Orientar o usuário na preservação do acervo;
  9. Participar de redes de discussão em diferentes meios;
  10. Participar na elaboração de publicações;
  11. Divulgar materiais promocionais e eventos culturais;
  12. Auxiliar nas atividades de ensino à distância;
  13. Auxiliar na organização de teleconferências;
  14. Elaborar clipping;

Atender o usuário na forma presencial e à distância

  1. Orientar o usuário sobre o funcionamento, regulamento e recursos da unidade de informação;
  2. Emprestar material do acervo;
  3. Cadastrar o usuário;
  4. Pesquisar por solicitação do usuário;
  5. Realizar serviços de comutação;
  6. Realizar empréstimos entre bibliotecas;
  7. Cobrar devolução de empréstimos;
  8. Controlar empréstimo, devolução, renovação e reserva de material;
  9. Auxiliar na editoração de trabalhos acadêmicos;
  10. Auxiliar o usuário em pesquisa bibliográfica;
  11. Aplicar sanções ao usuário;
  12. Fazer levantamentos bibliográficos;
  13. Reservar material bibliográfico;
  14. Orientar nas normas de apresentação de trabalhos acadêmicos;
  15. Digitalizar materiais;
  16. Monitorar visitas à biblioteca;
  17. Auxiliar na capacitação do usuário para o uso e apropriação da informação;
  18. Pesquisar bases de dados;
  19. Localizar material no acervo;
  20. Atualizar o cadastro de usuários;
  21. Controlar agenda de eventos e cursos;
  22. Confeccionar o cartão de identificação do usuário;
  23. Participar do estudo das demandas existentes e potenciais;

Tratar informação e documentos

  1. Auxiliar na aquisição de documentos para incorporação ao acervo;
  2. Tombar documentos para incorporação ao acervo;
  3. Auxiliar na seleção de documentos para incorporação ao acervo;
  4. Participar do processo de consistência da base de dados;
  5. Participar da organização da hemeroteca;
  6. Magnetizar documentos do acervo;
  7. Etiquetar documentos;
  8. Auxiliar na catalogação de documentos;
  9. Alimentar bases de dados;
  10. Arquivar a produção acadêmica;
  11. Cadastrar a produção científica do corpo docente;
  12. Carimbar documentos;
  13. Cadastrar documentos;
  14. Desdobrar fichas catalográficas;
  15. Arquivar fichas catalográficas;
  16. Conferir a existência de defeitos nos documentos adquiridos;
  17. Prestar informações para desenvolvimento de programas de computador para sistemas de informação;
  18. Auxiliar na indexação de documentos;
  19. Realizar permutas de material bibliográfico;
  20. Controlar aquisição de documentos;
  21. Controlar doação de documentos;
  22. Auxiliar na elaboração de resumos;
  23. Auxiliar na classificação de documentos;

Realizar a manutenção do acervo

  1. Manter o acervo em ordem de acordo com sistema de classificação adotado;
  2. Higienizar material;
  3. Realizar trabalhos de reparação de documentos;
  4. Participar do remanejamento do acervo;
  5. Guardar os documentos;
  6. Substituir documentos;
  7. Selecionar documentos para a encadernação;
  8. Controlar acervo de duplicatas de documentos;
  9. Auxiliar no descarte de documentos;
  10. Controlar permutas de documentos;
  11. Preparar documentos para encadernação;
  12. Conferir documentos encadernados;
  13. Inventariar o acervo;

Realizar atividades técnico administrativas

  1. Participar na gestão administrativa da unidade de informação e documentação;
  2. Participar de reuniões de planejamento e avaliação;
  3. Colaborar na elaboração do regimento interno da biblioteca;
  4. Auxiliar na elaboração de projetos;
  5. Manter cadastro de endereços institucionais;
  6. Organizar arquivos administrativos;
  7. Controlar arquivos administrativos;
  8. Auxiliar na aquisição de material de consumo, mobiliário e equipamentos;
  9. Elaborar relatórios estatísticos;
  10. Auxiliar na operação de sistemas de contratos eletrônicos;
  11. Preencher planilhas de dados estatísticos;
  12. Executar serviços de digitação e datilografia;
  13. Realizar a venda de publicações e materiais correlatos;
  14. Coletar dados estatísticos;
  15. Operar equipamentos áudio-visuais;
  16. Escrever correspondências;
  17. Expedir malotes e correios;
  18. Controlar os estoques de material de consumo;
  19. Auxiliar no inventário de bens patrimoniais não bibliográficos;
  20. Participar na elaboração e análise de critérios estatísticos;
  21. Reproduzir documentos;

Organizar atividades culturais e de extensão

  1. Viabilizar a organização das atividades culturais;
  2. Fazer contatos com profissionais para atividades de incentivo à leitura;
  3. Auxiliar na busca de parcerias;
  4. Participar na realização de saraus culturais;
  5. Elaborar programas culturais em conjunto com a comunidade;
  6. Auxiliar na realização de feiras de livros;
  7. Auxiliar na organização de exposições;
  8. Realizar campanhas de doação;
  9. Apoiar ações da associação de amigos da biblioteca;
  10. Realizar atividades de leitura, escrita e oralidade;
  11. Auxiliar na realização da biblioteca itinerante;
  12. Realizar atividades de leitura em hospitais, presídios e outras instituições;
  13. Participar da organização de concursos literários;
  14. Realizar contatos com lideranças e instituições da comunidade;

Participar da organização e manutenção do ambiente

  1. Controlar as condições de higiene e limpeza do ambiente
  2. Organizar a disposição do mobiliário e equipamentos no ambiente
  3. Manter a disposição do mobiliário e equipamentos no ambiente
  4. Controlar o fluxo do usuário
  5. Elaborar a sinalização do ambiente
  6. Auxiliar no controle do uso e manutenção dos equipamentos
  7. Avaliar o uso e adequação do ambiente

Demonstrar competências pessoais

  1. Demonstrar habilidade de operar aplicativos de informática;
  2. Atualizar-se;
  3. Demonstrar desenvoltura no trato com o público;
  4. Demonstrar capacidade de leitura instrumental de idiomas estrangeiros;
  5. Demonstrar iniciativa;
  6. Trabalhar em equipe;
  7. Proceder com ética;
  8. Demonstrar comprometimento com o trabalho;
  9. Qualificar-se;
  10. Dominar linguagem da área de atuação da unidade de informação;
  11. Demonstrar capacidade de comunicação oral e escrita;
  12. Demonstrar capacidade de adaptação a novos métodos de trabalho;
  13. Demonstrar habilidade no trato com o público;

Recursos para o exercício do cargo

  1. Xerox;
  2. Materiais de papelaria;
  3. Formulários;
  4. Etiquetas;
  5. Carimbos;
  6. Softwares em geral;
  7. Material para restauração;
  8. Material para encadernação;
  9. Máscara descartável;
  10. Luva descartável;
  11. Carrinhos para livros;
  12. Móveis para escritório;
  13. Fitas magnéticas;
  14. Material para serviços gráficos;
  15. Quadro de avisos;
  16. Data show;
  17. Retroprojetor;
  18. Vídeo conferência;
  19. Vídeo cassete;
  20. Projetor de slides;
  21. Scanner;
  22. Computador;
  23. Impressora;
  24. Internet;
  25. Telefone;
  26. Recursos de rede interna;
  27. Calculadora;

Cargos relacionados

  1. Auxiliar de biblioteca – Assistente de biblioteca, Auxiliar de bibliotecário, Auxiliar de serviços bibliotecários;
  2. Técnico em biblioteconomia – Tratador de documentos (biblioteconomia), Técnico de biblioteca, Técnico de documentação e informação, Técnico em documentação;

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Instituições

  • Faculdade De Odontologia Da Usp
  • Faculdade Senac De Ciências Exatas E Tecnologia
  • Prefeitura Municipal De Campinas
  • Secretaria Municipal De Cultura
  • Serviço Nacional De Aprendizagem Comercial – Centro De Educação Comunitária (Senac-sp)
  • Sindicato Dos Trabalhadores No Serviço Público Municipal De Campinas
  • Universidade De São Paulo (Usp)
  • Universidade Estadual De Campinas (Unicamp)
  • Instituição Conveniada Responsável
    Ministério Do Trabalho E Emprego – Mte

Especialistas

  • Adriana Do Carmo
  • Cristina Dotta Ortega
  • Dora Lucia Mazzer Vechini
  • Eduardo Varjão De Lima
  • Elisa Campos Machado
  • Fábio Henrique Fedrizzi Custódio
  • Hellen Cristina Damaso
  • Ivete Pieruccini Faria
  • Jeane Dos Reis Passos
  • José Maria Figueira Mendes
  • José Pascoal Dos Santos
  • João Batista De Paula Funchal
  • Marcelo Cardoso Freitas Gonçalves
  • Marli Leão
  • Paulo De Souza
  • Renato Alves De Morais
  • Rosimeiri Da Silva Selles Santos

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Técnicos de seguros e afins tabela salários CBO 3517

Tabela de Salários para cargos da Família “Técnicos de seguros e afins”, código CBO 3517.

CBO Cargo Jornada Trabalho Piso Salarial Média Salarial Maior Salário Salário Hora
3517-05 Analista de seguros (técnico) 41 h R$ 2.328,12 R$ 3.279,04 R$ 4.955,38 R$ 15,90
3517-05 Subscritor assistente de seguros 41 h R$ 2.328,12 R$ 3.279,04 R$ 4.955,38 R$ 15,90
3517-05 Analista técnico de seguros 41 h R$ 2.328,12 R$ 3.279,04 R$ 4.955,38 R$ 15,90
3517-10 Analista de sinistros 42 h R$ 1.764,17 R$ 2.484,75 R$ 3.755,03 R$ 11,75
3517-10 Analista técnico de sinistros 42 h R$ 1.764,17 R$ 2.484,75 R$ 3.755,03 R$ 11,75
3517-10 Técnico de sinistros 42 h R$ 1.764,17 R$ 2.484,75 R$ 3.755,03 R$ 11,75
3517-15 Assistente comercial de seguros 43 h R$ 1.175,30 R$ 1.655,35 R$ 2.501,61 R$ 7,77
3517-15 Assistente de negócios de seguros 43 h R$ 1.175,30 R$ 1.655,35 R$ 2.501,61 R$ 7,77
3517-15 Assistente de contas de seguros 43 h R$ 1.175,30 R$ 1.655,35 R$ 2.501,61 R$ 7,77
3517-15 Inspetor de produção de seguros 43 h R$ 1.175,30 R$ 1.655,35 R$ 2.501,61 R$ 7,77
3517-20 Assistente técnico de seguros 41 h R$ 1.450,68 R$ 2.043,21 R$ 3.087,76 R$ 9,87
3517-20 Assistente de produtos (técnico de seguros) 41 h R$ 1.450,68 R$ 2.043,21 R$ 3.087,76 R$ 9,87
3517-20 Assistente de analista de produtos 41 h R$ 1.450,68 R$ 2.043,21 R$ 3.087,76 R$ 9,87
3517-25 Vistoriador de risco de auto 44 h R$ 1.135,53 R$ 1.599,34 R$ 2.416,96 R$ 7,34
3517-25 Representante de controle de perdas 44 h R$ 1.135,53 R$ 1.599,34 R$ 2.416,96 R$ 7,34
3517-25 Inspetor de risco 44 h R$ 1.135,53 R$ 1.599,34 R$ 2.416,96 R$ 7,34
3517-30 Inspetor de avarias 43 h R$ 1.226,24 R$ 1.727,10 R$ 2.610,04 R$ 7,95
3517-30 Inspetor de sinistros 43 h R$ 1.226,24 R$ 1.727,10 R$ 2.610,04 R$ 7,95
3517-30 Vistoriador de sinistros 43 h R$ 1.226,24 R$ 1.727,10 R$ 2.610,04 R$ 7,95
3517-30 Regulador de sinistros 43 h R$ 1.226,24 R$ 1.727,10 R$ 2.610,04 R$ 7,95
3517-30 Comissário de avarias 43 h R$ 1.226,24 R$ 1.727,10 R$ 2.610,04 R$ 7,95
3517-35 Técnico de resseguros 41 h R$ 3.745,15 R$ 5.274,86 R$ 7.971,52 R$ 25,70
3517-40 Técnico de seguros 41 h R$ 1.647,48 R$ 2.320,40 R$ 3.506,65 R$ 11,30

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Técnicos de seguros e afins CBO 3517” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Contatam corretores, segurados e equipe de trabalho, para comercializar seguros e para facilitar o relacionamento empresa-cliente; subscrevem e inspecionam riscos; operacionalizam cálculos de prêmios e outros procedimentos para cessão e recuperação de resseguros e co-seguros; executam regulação e liquidação de sinistros. Desenvolvem novas modalidades de seguros. Elaboram documentação técnica.

Formação e experiência

O exercício dessas ocupações requer escolaridade de nível médio e cursos profissionalizantes de duzentas a quatrocentas horas-aula. O pleno desempenho das atividades, ocorre após três a quatro anos de experiência. A(s) ocupação(ões) elencada(s) nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos, nos termos do artigo 429 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, exceto os casos previstos no art. 10 do decreto 5.598/2005.

Condições gerais para exercício do cargo

Trabalham em empresas de seguros e de previdência privada, empresas de economia mista e órgãos governamentais da área securitária. O trabalho é realizado em ambientes fechados, nos horários diurnos. São trabalhadores celetistas ou estatutários e se organizam em equipe, sob supervisão. Eventualmente, estão sujeitos a pressões no trabalho que podem ocasionar estresse.

Descrição das Atividades

Comercializar seguros

  1. Levantar necessidades dos clientes;
  2. Identificar novos nichos de mercado;
  3. Transmitir informações sobre necessidades de clientes;
  4. Implementar parcerias com corretores e outros canais de distribuição;
  5. Captar novos negócios e clientes;
  6. Divulgar produtos;
  7. Incrementar produção junto aos canais de distribuição;
  8. Dar suporte técnico e comercial aos clientes;
  9. Enviar avisos de renovação de seguros;

Subscrever riscos

  1. Recepcionar pedidos de cotação e ou propostas;
  2. Analisar condições propostas para o seguro;
  3. Requisitar laudos médicos e inspeções;
  4. Enquadrar propostas às condições de resseguro e co-seguro da companhia;
  5. Apurar índice de sinistralidade do segurado;
  6. Apurar rentabilidade do seguro;
  7. Analisar relatórios de inspeção, laudos médicos e questionários;
  8. Submeter propostas às normas de subscrição da companhia;
  9. Calcular prêmios;
  10. Fornecer cotação e condições do seguro;

Inspecionar riscos

  1. Obter informações sobre características físicas e morais do risco;
  2. Definir procedimentos de inspeção;
  3. Agendar inspeção;
  4. Identificar exposição e agravação física e moral do risco;
  5. Verificar documentação do objeto de inspeção;
  6. Testar equipamentos de segurança contra incêndio;
  7. Sugerir valor segurável;
  8. Recomendar medidas de prevenção de perdas;
  9. Verificar implementação das medidas sugeridas;

Operacionalizar cessão e recuperação de resseguros e co-seguros

  1. Calcular prêmios e recuperação de resseguros;
  2. Avisar ressegurador e co-segurados dos sinistros ocorridos;
  3. Solicitar adiantamento de recuperação;
  4. Conciliar conta corrente com ressegurador e co-segurador;

Executar regulação e liquidação de sinistros

  1. Encaminhar processos para ressarcimento e ou recuperação;
  2. Registrar sinistros;
  3. Analisar contrato;
  4. Avaliar dinâmica do sinistro, com nexo causal (causa e efeito);
  5. Avaliar danos e orçamentos;
  6. Fotografar objeto do seguro;
  7. Solicitar documentação;
  8. Negociar orçamentos;
  9. Propor sindicância;
  10. Liquidar sinistro (pagamento ao beneficiário ou ao segurado);
  11. Encerrar processos;

Desenvolver produtos

  1. Pesquisar mercado concorrente;
  2. Comparar produtos de concorrentes;
  3. Consultar demais áreas da empresa;
  4. Pesquisar legislação;
  5. Monitorar resultados da carteira;
  6. Informar dados para elaboração de nota técnica (custo de comercialização, sinistralidade);
  7. Conceituar o produto;
  8. Obter aprovação interna do produto;
  9. Assistir ao desenvolvimento do sistema de informática;
  10. Auxiliar no treinamento e desenvolvimento de pessoal envolvido com o produto;
  11. Acompanhar implementação do produto;
  12. Promover ajustes no produto;

Elaborar documentação técnica

  1. Elaborar relatórios de inspeção e vistoria;
  2. Elaborar parecer técnico;
  3. Processar documentos (apólices, aditamentos, endossos, averbações);
  4. Preparar relatório técnico de sinistros;
  5. Preparar documentação e relação de riscos cedidos (mapa ou borderô);
  6. Preparar documentação e relação de sinistros pendentes e pagos;
  7. Redigir condições contratuais para novos produtos;
  8. Criar normas e procedimentos internos;
  9. Juntar documentação para licitações;

Demonstrar competências pessoais

  1. Agir com paciência;
  2. Agir com empatia;
  3. Demonstrar flexibilidade;
  4. Dar provas de credibilidade;
  5. Demonstrar capacidade de pesquisa;
  6. Raciocinar de forma lógica;
  7. Demonstrar capacidade de decisão;
  8. Agir com persuasão;
  9. Demonstrar senso de observação;
  10. Expressar-se de forma oral e escrita;
  11. Agir com objetividade;

Recursos para exercício do cargo

  1. Manuais e normas técnicos;
  2. Legislação de seguros;
  3. EPI;
  4. Formulários;
  5. Rádio-comunicação;
  6. Equipamentos áudio-visuais;
  7. Calculadora;
  8. Uniforme;
  9. Copiadora;
  10. Correio eletrônico;
  11. Microcomputador e periféricos
  12. Telefone, celular, nextel, bip;
  13. Fax;
  14. Máquina fotográfica;
  15. Material de escritório;
  16. Instrumentos, aparelhos e equipamentos de testes;
  17. Tabelas técnicas;
  18. Veículo;

Cargos relacionados

  1. Analista de seguros (técnico) – Analista técnico de seguros, Subscritor assistente de seguros;
  2. Analista de sinistros – Analista técnico de sinistros, Técnico de sinistros;
  3. Assistente comercial de seguros – Assistente de contas de seguros, Assistente de negócios de seguros, Inspetor de produção de seguros;
  4. Assistente técnico de seguros – Assistente de analista de produtos, Assistente de produtos (técnico de seguros);
  5. Inspetor de risco – Representante de controle de perdas, Vistoriador de risco de auto;
  6. Inspetor de sinistros – Comissário de avarias, Inspetor de avarias, Regulador de sinistros, Vistoriador de sinistros;
  7. Técnico de resseguros;
  8. Técnico de seguros;

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Instituições

  • Agf Brasil Seguros S.A.
  • Chubb Do Brasil Companhia De Seguros S.A.
  • Companhia De Seguros Do Estado De São Paulo (Cosesp)
  • Companhia De Seguros Minas Brasil S.A.
  • Federação Nacional De Empresas De Seguros Privados (Fenaseg)
  • Indiana Seguros S.A.
  • Linces Vistorias E Serviços S/c Ltda.
  • Marítima Seguros S.A.
  • Porto Seguro Companhia De Seguros Gerais
  • Superintendência De Seguros Privados Do Ministério Da Fazenda (Susep)
  • Tokio Marine Brasil Seguradora S.A.
  • Vera Cruz Seguradora S.A.
  • Instituição Conveniada Responsável
    Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Especialistas

  • Adriana Aparecida Corral Garcia
  • André Vieira Da Silva
  • Antonio Carlos Moreira
  • Carlos Eduardo De Sousa E Silva
  • Daise Cristina Moraes
  • Daniel Cunha Arruda
  • Daniella Garcia Da Silva
  • Eliana Márcia Cascone Costa
  • Francisco Dos Santos Neto
  • Luciana Pinheiro Salles Gomes
  • Marcelo Silva De Oliveira
  • Maria Elena Bidino
  • Márcio Barroso Miguel
  • Mário Sérgio Jardim
  • Nivaldo Thomaz Da Fonseca
  • Renato Lobo Ferraz Pinto
  • Sérgio Canesso Viegas

 Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Secretárias executivas e afins tabela salários CBO 2523

Tabela de Salários para cargos da Família “Secretárias(os) executivas (os) e afins”, código CBO 2523.

Cod Cargo: Jornada Trabalho: Piso Salarial Média Salarial Maior Salário Salário hora
2523-05 Secretária(o) executiva(o) 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Auxiliar administrativo de presidência 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Assessor de presidência 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Assessor de diretoria 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Secretário de diretoria 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Auxiliar administrativo de diretoria 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Secretário pleno 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Tecnólogo em secretariado 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Secretário de gabinete 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Assistente de diretoria 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Secretário sênior 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Secretário de presidência 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-05 Assistente de presidência 43 h R$ 1.455,51 R$ 2.050,02 R$ 3.098,05 R$ 9,61
2523-10 Assessor bilíngue 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Auxiliar administrativo bilíngue 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Secretário sênior bilíngue 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Secretário pleno bilíngue 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Assistente bilíngue 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Secretário bilíngue 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Secretário bilíngue de gabinete 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-10 Secretário bilíngue de presidência 43 h R$ 1.771,54 R$ 2.495,13 R$ 3.770,71 R$ 11,71
2523-15 Auxiliar administrativo trilíngue 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Secretário trilíngue de gabinete 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Secretário trilíngue de presidência 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Secretário trilíngue de diretoria 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Assessor trilíngue 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Secretário sênior trilíngue 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Secretária trilíngue 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-15 Assistente trilíngue 43 h R$ 1.179,23 R$ 1.660,89 R$ 2.509,98 R$ 7,75
2523-20 Secretário de escola(tecnólogo) 42 h R$ 1.254,70 R$ 1.767,18 R$ 2.670,61 R$ 8,36
2523-20 Secretário escolar(tecnólogo) 42 h R$ 1.254,70 R$ 1.767,18 R$ 2.670,61 R$ 8,36

As informações abaixo se referem a todos os cargos da família “Secretárias(os) executivas (os) e afins CBO 2523” citados na tabela de salários.

Atribuições do cargo

Assessoram os executivos no desempenho de suas funções,atendendo pessoas(cliente externo e interno), gerenciando informações, elaboram documentos, controlam correspondência física e eletrônica, prestam serviços em idioma estrangeiro, organizam eventos e viagens, supervisionam equipes de trabalho, gerem suprimentos, arquivam documentos físicos e eletrônicos auxiliando na execução de suas tarefas administrativas e em reuniões.

Formação e experiência

O exercício dessas ocupações requer curso superior em secretariado em nível de bacharelado ou tecnologia. O registro funcional no MTE é obrigatório. Para as secretárias bilíngues e trilíngues a fluência em dois ou três idiomas estrangeiros é fundamental. O pleno desenvolvimento das atividades ocorre após dois ou três anos de experiência.

Condições gerais para exercício do cargo

Trabalham nas mais variadas atividades econômicas da indústria, comércio e serviços, além da administração pública, como assalariados com carteira assinada, estatutários, ou autônomos, sob supervisão ocasional. Atuam de forma individual ou em equipe, em ambientes fechados e em horários diurnos. Podem permanecer em posições desconfortáveis por longos períodos. Assessoram chefias, atendendo mais de um diretor ou uma área. As secretárias bilíngue ou trilíngue realizam as mesmas atividades que as secretárias executivas e se diferenciam nas atividades que requerem fluência em língua estrangeira.

Descrição das Atividades

Assessorar executivos

  1. Administrar agenda do(s) executivo(s);
  2. Despachar com o(s) executivo(s);
  3. Colher assinatura;
  4. Priorizar compromissos e ligações telefônicas;
  5. Definir horários;
  6. Marcar compromissos;
  7. Cancelar compromissos;
  8. Administrar pendências;
  9. Dar suporte em reuniões;
  10. Secretariar reuniões;
  11. Tomar ditados;
  12. Acompanhar executivo(s) em evento(s) e viagens;

Atender pessoas (cliente externo e interno)

  1. Recepcionar pessoas;
  2. Fornecer informações;
  3. Atender pedidos e solicitações;
  4. Atender ligações telefônicas;
  5. Filtrar ligações telefônicas;
  6. Fazer ligações telefônicas;
  7. Encaminhar ligações telefônicas;
  8. Anotar recados;
  9. Transmitir recados;
  10. Orientar pessoas;
  11. Encaminhar pessoas;
  12. Autorizar entrada/permanência de visitantes e terceiros;
  13. Prestar atendimento especial a autoridades e clientes diferenciados;

Gerenciar informações

  1. Ler documentos;
  2. Pesquisar informações e dados;
  3. Consultar profissionais de outras áreas;
  4. Elaborar base de dados;
  5. Cobrar ações;
  6. Cobrar respostas;
  7. Cobrar relatórios;
  8. Controlar cronogramas;
  9. Controlar prazos;
  10. Direcionar informações;
  11. Manter atualizado o banco de dados;
  12. Acompanhar processos;
  13. Reproduzir documentos;
  14. Confeccionar clippings;
  15. Encaminhar documentos;
  16. Divulgar informações;

Elaborar documentos

  1. Redigir documentos;
  2. Elaborar atas;
  3. Elaborar relatórios;
  4. Elaborar convites e convocações;
  5. Formatar documentos;
  6. Elaborar planilhas e gráficos;
  7. Preparar apresentações;
  8. Anotar informações;
  9. Digitar documentos;
  10. Datilografar documentos;
  11. Transcrever textos;
  12. Elaborar documentação escolar;
  13. Assinar documentação escolar;
  14. Elaborar prestação de contas;
  15. Elaborar ficha de avaliação;

Controlar correspondência física e eletrônica

  1. Receber correspondência;
  2. Protocolar correspondência;
  3. Triar correspondência;
  4. Enviar correspondência;
  5. Registrar correspondência;
  6. Transmitir fax;
  7. Controlar malote;

Prestar serviços em idioma estrangeiro

  1. Prestar serviço de intérprete;
  2. Ciceronear visitas;
  3. Redigir documentos em idioma estrangeiro;
  4. Sintetizar textos em idioma estrangeiro;
  5. Traduzir documentos;
  6. Revisar traduções;
  7. Dar suporte a expatriados;

Organizar eventos e viagens

  1. Providenciar documentação legal do executivo (passaporte, vistos);
  2. Fazer check-list;
  3. Pesquisar local;
  4. Solicitar verbas;
  5. Reservar sala/local;
  6. Preparar sala/local;
  7. Contratar expositores e palestrantes;
  8. Enviar convite ou convocação;
  9. Confirmar presença;
  10. Escolher cardápio;
  11. Providenciar passagens, hospedagem e transporte local;
  12. Providenciar equipamentos, materiais e serviços de apoio;
  13. Dar suporte durante o evento;
  14. Elaborar lista de presença;
  15. Encaminhar certificados;

Supervisionar equipes de trabalho

  1. Selecionar pessoal;
  2. Estabelecer cronograma de atividades;
  3. Estabelecer atribuições da equipe;
  4. Programar as atividades da equipe;
  5. Monitorar o trabalho da equipe;
  6. Monitorar horários de entrada e saída;
  7. Capacitar equipe;
  8. Avaliar a equipe;
  9. Contratar serviços de terceiros;

Gerir suprimentos

  1. Levantar necessidades de material;
  2. Cotar preços;
  3. Formular pedidos de compra;
  4. Requisitar material;
  5. Conferir material;
  6. Adaptar espaço para armazenagem;
  7. Comprar material, equipamento e mobiliário;
  8. Acompanhar contratos e garantias;

Arquivar documentos físicos e eletrônicos

  1. Identificar o assunto;
  2. Identificar a natureza do documento;
  3. Determinar a forma de arquivo (disquete, microfilmagem);
  4. Classificar documentos;
  5. Ordenar documentos;
  6. Cadastrar documentos;
  7. Utilizar a tabela de temporalidade;
  8. Arquivar correspondência;
  9. Administrar arquivos;
  10. Atualizar arquivos;

Demonstrar competências pessoais

  1. Adaptar-se a mudanças;
  2. Demonstrar dinamismo;
  3. Demonstrar senso de organização;
  4. Demonstrar espírito de liderança;
  5. Trabalhar sob pressão;
  6. Demonstrar pró-atividade;
  7. Demonstrar capacidade de retórica;
  8. Demonstrar iniciativa;
  9. Administrar estresse;
  10. Contornar situações adversas;
  11. Demonstrar discrição;
  12. Demonstrar sensibilidade;
  13. Trabalhar em equipe;
  14. Demonstrar capacidade de comunicação;
  15. Administrar conflitos;
  16. Demonstrar paciência;

Recursos para exercício do cargo

  1. Softwares Específicos;
  2. Aparelhos De Telefonia;
  3. Computador;
  4. Fotocopiadora;
  5. Calculadora;
  6. Multifuncional-cópia, digitalização, Fax, Impressão;
  7. Escâner;
  8. Recursos Audiovisuais;
  9. Material De Escritório;
  10. Sistemas De Gerenciamento De Informações(proton);

Cargos relacionados

  1. Secretária(o) executiva(o) – Assessor de diretoria, Assessor de presidência, Assistente de diretoria, Assistente de presidência, Auxiliar administrativo de diretoria, Auxiliar administrativo de presidência, Secretário de diretoria, Secretário de gabinete, Secretário de presidência, Secretário pleno, Secretário sênior, Tecnólogo em secretariado;
  2. Secretário bilíngue – Assessor bilíngue, Assistente bilíngue, Auxiliar administrativo bilíngue, Secretário bilíngue de diretoria, Secretário bilíngue de gabinete, Secretário bilíngue de presidência, Secretário pleno bilíngue, Secretário sênior bilíngue;
  3. Secretária trilíngue – Assessor trilíngue, Assistente trilíngue, Auxiliar administrativo trilíngue, Secretário pleno trilíngue , Secretário sênior trilíngue , Secretário trilíngue de diretoria, Secretário trilíngue de gabinete, Secretário trilíngue de presidência;
  4. Tecnólogo em secretariado escolar – Secretário de escola(tecnólogo), Secretário escolar(tecnólogo);

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Instituições

  • Banco Do Estado De São Paulo S.A. (Banespa)
  • Brasilassist – Sociedade Brasileira De Assistência
  • Delphi Automotive Systems Do Brasil Ltda.
  • Escola Politécnica Da Universidade De São Paulo
  • Estrutural Montagens E Empreendimentos Ltda.
  • Federação Nacional Das Secretárias
  • Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas (Fipe-usp)
  • Ipep – Instituto Paulista De Ensino E Pesquisa
  • Mpd Engenheria E Construções Ltda.
  • Ncr Brasil Ltda.
  • PBLM CONSULTORIA EMPRESARIAL
  • PREFEITURA MUNICIPAL DE BELTERRA
  • PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTARÉM
  • Secretaria De Economia E Planejamento
  • Sindicato Das Secretárias Do Estado De São Paulo
  • VOITH HYDRO SERVICES LTDA
  • VOLKSWAGEN DO BRASIL LTDA.
  • Instituição Conveniada Responsável
  • Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Especialistas

  • Andréa Procópio Novais Silva Ferreira
  • Daniely Cristiani Ribeiro
  • Eliane Barreiros Souza
  • Elke Soraya Da Silva Pinto
  • Felisbela Maria Das Neves Gil Rossetti
  • Francisco Tadeu Do Nascimento
  • Gabriella Morais Dias
  • Gersonita Farias Pereira
  • Jaqueline L. Silveira Alcarde Antonini
  • Leida Moraes
  • Lélia Conceição Simões Da Costa
  • Maria Alice Da Rocha Paula
  • Maria Aparecida Rosales
  • Maria Do Carmo Assis Todorov
  • Patrícia Silva Dos Santos
  • Roseli Maria Fontinati Menezes
  • Solange Ferrari De Lima
  • Tania Comi Pereira Da Silva
  • Therezinha Utembergue

Fonte: Ministério do Trabalho

Categorias
Cargos e salários

Auxiliar de cartório salário e atribuições CBO 4110-25

  • Jornada de trabalho: 42h
  • Piso salarial: R$ 964,86
  • Salário médio: R$ 1.358,96
  • Maior salário: R$ 2.053,70
  • Salário hora: R$ 6,40
  • CBO 4110-25

Nesse artigo você vai encontrar todas as informações sobre o cargo de “Auxiliar de cartório salário e atribuições CBO 4110-25” realizada pela “Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp e Ministério do Trabalho”.

  1. Tabela Salarial;
  2. Atribuições do cargo;
  3. Formação e experiência;
  4. Condições gerais para exercício do cargo;
  5. Descrição das atividades;
  6. Recursos para exercício do cargo;
  7. Cargos relacionados

Dica: Para encontrar o Código Brasileiro de Ocupações (CBO) da sua profissão, abra sua carteira de trabalho na página de registros profissionais).

Se deseja informações sobre outros cargos ou tenha alguma dúvida ou algo a acrescentar, utilize o formulário de comentários ao final do artigo. Nossa equipe de especialistas irá responder em seguida.

Atribuições do cargo

Executam serviços de apoio nas áreas de recursos humanos, administração, finanças e logística; atendem fornecedores e clientes, fornecendo e recebendo informações sobre produtos e serviços; tratam de documentos variados, cumprindo todo o procedimento necessário referente aos mesmos. Atuam na concessão de microcrédito a microempresários, atendendo clientes em campo e nas agências, prospectando clientes nas comunidades.

Formação e experiência

Para o acesso às ocupações dessa família ocupacional requer-se o ensino médio completo, um a dois anos de experiência profissional e para algumas das ocupações, curso básico de qualificação. A(s) ocupação(ões) elencada(s) nesta família ocupacional, demandam formação profissional para efeitos do cálculo do número de aprendizes a serem contratados pelos estabelecimentos, nos termos do artigo 429 da Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, exceto os casos previstos no art. 10 do decreto 5. 598/2005.

Condições gerais para o exercício do cargo

Trabalham nos mais variados ramos de atividades públicas ou privadas. São empregados com carteira e se organizam em equipe, tendo supervisão ocasional. O ambiente de trabalho é fechado e o horário é diurno. A categoria de “auxiliares” foi extinta nos orgãos públicos e suas funções são realizadas pelos assistentes administrativos. Já no caso da área privada, a categoria de “auxiliares e ajudantes” parece estar em processo de extinção e suas funções sendo incorporadas pelos assistentes ou pelos estagiários. Os agentes de microcrédito atuam junto às comunidades, em ambientes abertos.

Descrição das Atividades

Tratar documentos

  1. Registrar a entrada e saída de documentos;
  2. Conferir notas fiscais, faturas de pagamentos e boletos;
  3. Triar documentos;
  4. Distribuir documentos;
  5. Conferir dados e datas;
  6. Verificar documentos;
  7. Identificar irregularidades nos documentos;
  8. Localizar documentos;
  9. Classificar documentos;
  10. Atualizar informações;
  11. Solicitar cópias de documentos;
  12. Tirar cópias de documentos;
  13. Digitalizar documentos;
  14. Receber documentos;
  15. Protocolar documentos;
  16. Formatar documentos;
  17. Submeter pareceres;
  18. Arquivar documentos;

Preencher documentos

  1. Digitar textos e planilhas;
  2. Preencher formulários e/ou cadastros;
  3. Preparar minutas;
  4. Redigir escrituras de compra e venda;
  5. Registrar óbitos, casamentos e nascimentos;
  6. Emitir certificados e apólices;
  7. Averbar transferências de propriedades;
  8. Digitar notas de lançamentos contábeis;
  9. Emitir cartas convite nos processos de compras e serviços;
  10. Preencher propostas de endosso e renovações de seguros em geral;
  11. Preencher ficha de movimentação de pessoal;

Preparar relatórios, formulários e planilhas

  1. Coletar dados;
  2. Verificar índices econômicos e financeiros;
  3. Elaborar planilhas de cálculos;
  4. Elaborar organogramas, fluxogramas e cronogramas;
  5. Efetuar cálculos;
  6. Conferir cálculos;
  7. Redigir atas;
  8. Elaborar correspondência;
  9. Dar apoio operacional para elaboração de manuais técnicos;
  10. Emitir notificações;
  11. Realizar prestação de contas;
  12. Requisitar pagamentos;
  13. Ajustar contratos;
  14. Colher assinaturas;

Acompanhar processos administrativos

  1. Verificar prazos estabelecidos;
  2. Localizar processos administrativos;
  3. Acompanhar notificações de não conformidade;
  4. Encaminhar protocolos internos;
  5. Solicitar informações cadastrais;
  6. Atualizar cadastros;
  7. Atualizar dados de planejamento;
  8. Acompanhar organogramas, fluxogramas e cronogramas;
  9. Acompanhar andamento dos pedidos;
  10. Convalidar publicação de atos;
  11. Cadastrar avisos de sinistro;
  12. Expedir ofícios e memorandos;
  13. Apurar veracidade das informações colhidas em campo;
  14. Conferir bens dados em garantia;
  15. Realizar pesquisa cadastral;
  16. Definir condições de crédito (valor, prazo, garantia);
  17. Participar do comitê de crédito;
  18. Solicitar negativação do cpf (spc, serasa, etc.);

Atender clientes e/ou fornecedores

  1. Fornecer informações sobre produtos e serviços;
  2. Identificar natureza das solicitações dos clientes;
  3. Fornecer informações da empresa;
  4. Registrar reclamações dos clientes;
  5. Receber clientes e/ou fornecedores;
  6. Identificar perfil dos clientes e/ou fornecedores;
  7. Esclarecer dúvidas;
  8. Solicitar documentos;
  9. Coletar referências pessoais;
  10. Fazer levantamento socioeconômico do cliente;
  11. Realizar reuniões com clientes (proposta, concessão, cobrança);
  12. Capacitar clientes;
  13. Renegociar dívida;
  14. Analisar viabilidade econômico-financeira do empreendimento;

Executar rotinas de apoio na área de recursos humanos

  1. Executar procedimentos de recrutamento e seleção;
  2. Executar rotinas de admissão de pessoal;
  3. Executar rotinas de demissão de pessoal;
  4. Dar suporte administrativo à área de treinamento;
  5. Orientar funcionários sobre direitos e deveres;
  6. Controlar frequência dos funcionários;
  7. Auxiliar na elaboração da folha de pagamento;
  8. Controlar recepção e distribuição de benefícios (vale transporte etc.);
  9. Atualizar dados dos funcionários;
  10. Capacitar pessoal;
  11. Auxiliar na avaliação de pessoal;
  12. Auxiliar no controle de pessoal (afastamentos, férias, horas extras…);

Prestar apoio logístico

  1. Controlar material de expediente;
  2. Levantar a necessidade de material;
  3. Requisitar materiais;
  4. Solicitar compra de materiais;
  5. Conferir material solicitado;
  6. Providenciar devolução de material fora de especificação;
  7. Distribuir material de expediente;
  8. Controlar expedição de malotes e recebimentos;
  9. Controlar execução de serviços gerais (limpeza, transporte, vigilância);
  10. Pesquisar preços;
  11. Solicitar entrega de documentos;
  12. Solicitar recursos de viagens;
  13. Intermediar contatos;
  14. Auxiliar na organização de eventos internos;
  15. Organizar reuniões;
  16. Organizar envio de brindes;
  17. Organizar o setor;
  18. Comunicar autorização de entrada de visitantes;

Prospectar clientes

  1. Mapear área de atuação;
  2. Estabelecer roteiro de visitas;
  3. Identificar parceiros na comunidade;
  4. Visitar órgãos e instituições;
  5. Visitar comunidade (comércio, serviços, residências);
  6. Programar eventos;
  7. Organizar eventos;
  8. Divulgar programa de microcrédito;
  9. Ministrar palestras informativas;
  10. Elaborar listas de clientes potenciais;
  11. Contactar clientes em potencial (telemarketing);

Acompanhar desempenho do empreendimento

  1. Verificar destinação do crédito;
  2. Orientar procedimentos de gestão;
  3. Realizar cobrança preventiva;
  4. Cobrar parcelas vencidas;
  5. Propor renovação de crédito;

Demonstrar competências pessoais

  1. Demonstrar iniciativa;
  2. Trabalhar em equipe;
  3. Demonstrar flexibilidade;
  4. Demonstrar capacidade de adaptação de linguagem;
  5. Demonstrar capacidade de negociação;
  6. Demonstrar capacidade de empatia;
  7. Demonstrar capacidade de observação;
  8. Demonstrar persistência;
  9. Demonstrar facilidade de comunicação;
  10. Transmitir credibilidade;
  11. Contornar situações adversas;
  12. Demonstrar criatividade;
  13. Demonstrar auto-controle;
  14. Demonstrar capacidade de organização;

Recursos para exercício do cargo

  1. Recursos De Informática;
  2. Máquina de calcular;
  3. Legislação e manuais;
  4. Material de escritório;
  5. Software e hardware;
  6. Fax;
  7. Telefone fixo e móvel;
  8. Agenda;
  9. Cartão De Identificação;
  10. Material promocional;
  11. Epi

Cargos relacionados

  1. Auxiliar de escritório – Auxiliar administrativo, Auxiliar de compras, Escriturário;
  2. Assistente administrativo – Agente administrativo, Assistente administrativo sindical, Assistente de compras, Assistente de escritório, Assistente técnico – no serviço público;
  3. Atendente de judiciário;
  4. Auxiliar de judiciário;
  5. Auxiliar de cartório;
  6. Auxiliar de pessoal – Apontador de cartões de ponto;
  7. Auxiliar de estatística – Controlador de estatística;
  8. Auxiliar de seguros – Auxiliar técnico de seguros;
  9. Auxiliar de serviços de importação e exportação – Auxiliar de tráfego de exportação e importação, Conferente de documentação de importação e exportação, Conferente de exportação;
  10. Agente de microcrédito – Agente de microfinanças, Assessor de microcrédito, Assessor de microfinanças, Coordenador de microcrédito;

Participaram da Pesquisa

Instituição Conveniada Responsável
Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas – Fipe – Usp

Glossário

Parceiros – líderes comunitários, diretores de escolas, associações de bairro, igrejas, parceiros comerciais etc. Eventos – palestras informativas onde o trabalho é divulgado

Instituições

  • BANCO DO POVO CRÉDITO SOLIDÁRIO
  • BRASILATA S/A EMBALAGENS METÁLICAS
  • CRÉDITO POPULAR SOLIDÁRIO
  • Empresa Metropolitana De Águas E Energia S.A.
  • Fipe – Fundação Instituto De Pesquisas Econômicas
  • Fundação Cásper Líbero (Rádio Gazeta De São Paulo)
  • Grupo Pão De Açucar
  • INSTITUIÇÃO COMUNITÁRIA DE CRÉDITO – BLUMENAU
  • INSTITUTO COMUNITÁRIO DE CRÉDITO PORTOSOL
  • INSTITUTO NORDESTE CIDADANIA
  • Instituto Nacional De Metrologia, Normalização E Qualidade Industrial (Inmetro)
  • Instituto Nacional Do Seguro Social (Inss)
  • MWM NAVISTAR INTERNATIONAL MOTORES
  • Prefeitura Da Cidade Do Rio De Janeiro
  • Sociedade Michelino De Participações Indústria E Comércio
  • Sulamérica Seguros
  • Tribunal De Justiça Do Estado Do Rio De Janeiro
  • VIVA CRED

Especialistas

  • Adegmar Rocha De Paula
  • Alexandre De Oliveira Barbosa
  • Alfredo Machado Da Cunha
  • Allan Rodrigues Lima
  • Bruno Toledo Fernandes
  • Cláudio Dos Santos Pinto
  • Fernanda Santana Da Silva
  • Francisco Carlos Gomes Da Costa
  • Gabriela Nogueira Possidonio De Souza
  • Heidy Carolina Portillo De Faria
  • Jaime Batista Da Silva
  • José Erasmo Campos Filho
  • Laís Maria Pereira Marques
  • Luciana Paixão
  • Margarete De Souza Martins
  • Maria Gorete Silva Noles
  • Maria Inez Negri Rodrigues Alves
  • Maria Lúcia Da Costa Ferreira Dos Santos
  • Maryeda Bezerra Leite
  • Max Thomaka
  • Márcio Lamanna Rodrigues
  • Olandir José Furtado
  • Rhoselaine Toledo Moura Merida
  • Tatiana Alves De Oliveira
  • Vanessa De Godoy Mendes
  • Vera Lúcia De Azevedo Loureiro
  • Vitória Policarpo Fernandes Dos Reis

Fonte: Ministério do Trabalho